Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

A escola de Noel será a terceira a atravessar a avenida neste segundo dia de desfiles

Após um desfile impecável em 2013, marcado por um samba-enredo que entrou para o hall dos melhores da história do Carnaval carioca, a Vila Isabel entra na avenida com a missão de gerar, novamente, reações de encantamento nas arquibancadas. A escola de Noel será a terceira a atravessar a avenida neste segundo dia de desfiles, que também terá Mocidade, União da Ilha, Imperatriz Leopoldinense, Portela e Unidos da Tijuca.

Esta última, por sinal, ficou só meio ponto atrás da Vila em 2013 e, mais uma vez, surge como uma das principais candidatas ao título. O criativo Paulo Barros promete transformar a Sapucaí em uma ?pista de corrida?, contando a história de Senna e do mundo da velocidade. Também há grande expectativa para os desfiles da Portela, renovada pela mudança na diretoria, e da Imperatriz Leopoldinense, que homenageia Zico e conta com a torcida do Flamengo a seu favor.

A União da Ilha tem demonstrado otimismo no barracão com seu enredo sobre a infância, certa de que voltará no sábado das campeãs. E a Mocidade tenta se recuperar do susto do quase rebaixamento em 2013, retratando na avenida um de seus principais carnavalescos: Fernando Pinto.

Veja abaixo um pouco mais sobre cada escola e os horários em que elas entrarão na avenida.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

Mocidade foi coroada rainha da Mocidade de última hora, no lugar da destronada Ana Paula Evangelista

A Mocidade Independente de Padre Miguel será a primeira do Grupo Especial do Rio de Janeiro a desfilar nesta segunda-feira (3) de Carnaval, a partir das 21h. Vai defender o enredo ?Pernambucópolis?, uma homenagem ao carnavalesco Fernando Pinto, que fez história na escola (ouça o samba). Anderson Abreu, diretor geral de Carnaval da agremiação, explicou ao R7 como costurou a biografia do carnavalesco homenageado à história de Pernambuco.

? A Mocidade vai juntar espaço sideral com Pernambuco, Estado natal de Fernando Pinto. Fernando era um grande visionário. A Mocidade merece vir no desfile das campeãs. Há dez anos a escola não desfila com as campeãs.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

A União da Ilha, que vai entrar na avenida por volta das 22h30 desta segunda, traz um enredo sobre brinquedos e quer que o público reviva a infância na Marquês de Sapucaí. O carnavalesco Alex de Souza diz que a escola traz um tema fácil e característico da agremiação, que busca a modernidade e a simplicidade em seus desfiles. A rainha de bateria, Bruna Bruno, vai desfilar de Mulher Maravilha. Em 2013, a Ilha fez um desfile apenas regular e ficou na nona colocação.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

O carnavalesco Cid Carvalho, que acertou recentemente sua volta à Vila Isabel, teve pouco tempo para fazer adaptações ao enredo da escola: Retratos de um Brasil Plural. O samba-enredo, assinado mais uma vez por Arlindo Cruz, André Diniz e parceiros, tem qualidade, mas perde na comparação com o do ano passado. Ainda assim, a Azul e Branco surge novamente como uma das principais candidatas ao título. A escola será a terceira a atravessar a avenida, por volta da meia-noite.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

A Imperatriz traz para a avenida o enredo Arthur X ? O Reino do Galinho de Ouro na Corte da Imperatriz, conduzido por Cahê Rodrigues. O refrão principal empolga ao lembrar os cantos das torcidas no Maracanã. O homenageado, Zico, estará presente no desfile da escola de Ramos, que fez uma bela apresentação em 2013 e terminou na quarta colocação. O horário de entrada na avenida é previsto para 1h15 da madrugada.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

Dona do maior número de títulos do Grupo Especial do Rio, 21, a Portela tentou se desvencilhar das dívidas para apresentar um Carnaval à altura de sua história. O samba-enredo, de Luiz Carlos Máximo e parceiros, repete a fórmula de sucesso dos dois últimos anos, com uma melodia que remete aos desfiles antigos. Wantuir, com sua voz potente e inconfundível, vai estrear na agremiação. O enredo, Rio, de mar a mar. Do Valongo à glória de São Sebastião, é assinado por Alexandre Louzada. O desfile deve começar a partir das 2h40 da madrugada.


Vila tenta repetir perfeição e Tijuca traz autódromo para a Sapucaí no segundo dia do Grupo Especial

Tido como o mais inovador entre os carnavalescos da atual geração, Paulo Barros assina pela oitava vez um desfile da Unidos da Tijuca. Ele já conseguiu dois títulos e três vice-campeonatos pela escola da zona norte da cidade. Desta vez, a Azul e Amarelo vai levar para a avenida o enredo Acelera Tijuca, sobre o mundo da velocidade e sobre Ayrton Senna. Com Juliana Alves como rainha de bateria, a escola entra em cena por volta das 4h da madrugada.

Fonte: r7