Agente nega saída de Neymar e acusa jornal de sensacionalismo

Agente nega saída de Neymar e acusa jornal de sensacionalismo

Wagner Ribeiro assegura que declaração foi em brincadeira de santista

O empresário Wagner Ribeiro acusou o jornal italiano Gazzetta dello Sport de sensacionalista e condenou a matéria publicada nesta quarta-feira na versão impressa do diário, que afirmava que Neymar havia dito que poderia sair do Santos já em janeiro e vestiria a camisa da Juventus, de Turim.

"Isso aí é sensacionalismo da imprensa italiana, é um absurdo essa matéria. Eles pegaram uma brincadeira do Neymar com o Ronaldinho que diz brincando que jogaria na Itália, com o Neymar inclusive dando risada sobre tudo, e o cara (repórter do periódico) vai lá e me solta uma dessas", afirmou Ribeiro, em entrevista por telefone.

"Não existe essa hipótese (de Neymar deixar o Santos em janeiro). Eles quiseram fazer sensacionalismo, sempre foram assim", acrescentou o empresário.

Na suposta entrevista ao jornal italiano, o atacante teria dito em Doha, onde se concentra com a Seleção Brasileira, que esta poderia ser a hora certa para se aventurar na Europa e que tinha propostas de Real Madrid, Inter de Milão, Chelsea, Manchester United e Juventus.

Recentemente, o jogador assinou um vínculo até 2015 com o clube da Vila Belmiro, com um ambicioso plano de carreira proposto pela cúpula santista. Neymar ainda rejeitou uma proposta do Chelsea de aproximadamente R$ 80 milhões (35 milhões de euros) e decidiu continuar vestindo a camisa alvinegra.

Fonte: Terra, www.terra.com.br