Apesar do caos e destruição em jogo, Monumental receberá a final

Estádio está fechado para investigações da Polícia Argentina após tumulto que feriu 90 pessoas no domingo

Menos de 24 horas depois do caos e tumulto provocado por torcedores do River Plate por conta do rebaixamento da equipe, o Monumental de Nuñez amanheceu fechado. No entanto, apesar dos rastros da destruição ainda vistos no local, o estádio receberá a final da Copa América no próximo dia 24 de julho. A informação foi passada por um fiscal do Ministério Público da Argentina, órgão que decretou o fechamento da arena para apurar as causas dos incidentes após o empate de 1 a 1 dos Milionários diante do Belgrano.

O presidente do comitê organizador da competição sul-americana, José Luis Meiszner, também endossou o órgão governamental.

- Temos tempo para que a final seja no Monumental. Todas entradas para o jogo decisivo já estão vendidas. E não vejo ainda nenhum motivo para que a partida não seja lá - disse o dirigente, em entrevista ao canal Fox Sports, ressaltando que os problemas de domingo foram causados por uma situação extraordinária e que, no caso de um eventual veto à casa do River, o estádio de Córdoba seria a primeira opção para a final.





Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com