Após 74 anos, Corinthians volta a enfrentar o Palmeiras em sua casa

O duelo das 16h deste domingo, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, será o primeiro clássico do estádio de Itaquera

Aconteceu em 18 de agosto de 1940 o último dérbi entre Corinthians e Palmeiras no estádio do time alvinegro. Quase 74 anos depois, os rivais estarão frente à frente novamente em solo corintiano. O duelo das 16h deste domingo, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, será o primeiro clássico do estádio de Itaquera, inaugurado em maio deste ano.

Em 1940, os adversários enfrentaram-se no Alfredo Schürig, a Fazendinha, campo que ainda pertence ao Corinthians, mas que hoje não recebe mais jogos. Os mandantes venceram por 2 a 0 naquela ocasião, pelo Campeonato Paulista, gols de Teleco.

Desde então, receberam o dérbi paulistano outros 13 estádios diferentes pelo Brasil, especialmente no Interior de São Paulo e na própria capital, Morumbi e Pacaembu, principais palcos do dérbi.

Também abrigou o confronto o Parque Antártica, casa palmeirense, que está em reforma e deve ser entregue em agosto, a tempo do clássico do segundo turno do Brasileirão, marcado para 26 de outubro. Palmeiras e Corinthians não jogam lá desde 21 de janeiro de 1976, pela Taça Governador do Estado, empate por 1 a 1, gols de Tião para os visitantes e de Nei para o Alviverde.

Foram disputados 16 dérbis na Fazendinha, com cinco vitórias para cada e seis empates e 43 dérbis no Parque Antártica, com 21 vitórias palmeirenses, 13 corintianas e nove empates.

O retrospecto geral também é pró-Palmeiras, que ganhou 125 vezes e perdeu 120, mais 107 empates, num total de 352 encontros.

Aumentar a vantagem sobre o rival é determinante para o Palmeiras, que não ganha uma partida no Campeonato Brasileiro há cinco rodadas e está na 12ª colocação, com 13 pontos, a quatro da zona de rebaixamento.

O time do técnico argentino Ricardo Gareca até venceu a primeira com a nova equipe, quarta-feira passada, 2 a 0 sobre o Avaí, mas pela Copa do Brasil.

A escalação deste domingo será bem diferente que a da partida em Florianópolis. O zagueiro Lúcio e o volante Eguren, lesionados e o lateral esquerdo William Matheus, negociado com o Toulouse, não estarão à disposição. O volante Josimar e o atacante Mouche disputam uma vaga entre os titulares.

O Corinthians tem 20 pontos, em 3º lugar e só não terá contra o Palmeiras o meia Jadson, suspenso. Renato Augusto deve ganhar a vaga, e o paraguaio Romero, novidade nos 3 a 0 em cima do Bahia, na quarta, pela Copa do Brasil, pode continuar nos 11 iniciais.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS X PALMEIRAS

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)

Data: 27 de julho de 2014, domingo

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE)

Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Cleber, Gil e Fábio Santos; Ralf, Elias, Petros e Renato Augusto; Romero e Guerrero Técnico: Mano Menezes

PALMEIRAS: Fábio; Wendel, Tobio, Wellington e Marcelo Oliveira; Renato, Wesley e Felipe Menezes; Mouche (Josimar), Diogo e Henrique Técnico: Ricardo Gareca

Fonte: UOL