Às vésperas da Copa, Seleção celebra uma temporada amena de "europeus"

Diferentemente das Confederações, quando nomes como Oscar chegaram a disputar mais de 80 jogos antes do torneio, comissão técnica tem grupo mais "desc

Logo no primeiro dia de trabalho da seleção brasileira para a Copa do Mundo, na Granja Comary, em Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro, o coordenador de seleções, Carlos Alberto Parreira, foi questionado em diversas oportunidades sobre o desgaste dos jogadores para o início da preparação. Porém, o comandante saiu com a seguinte frase:

- Nenhum dos nossos jogadores excedeu o número de 60 partidas na temporada.

E o coordenador tinha razão. Oscar, do Chelsea, por exemplo, entrou em campo na temporada 2013-2014 em 58 oportunidades. Foi quem mais atuou do grupo que também estava na Copa das Confederações. Antes do torneio de 2013, o meia do Chelsea havia disputado 83 jogos.

Neymar também atuou mais antes de se apresentar para as Confederações. O craque do Barcelona participou de 58 partidas. Agora, antes de se apresentar para o Mundial, ele disputou 53 jogos. Porém, vale lembrar que Neymar ficou no estaleiro por duas vezes e desfalcou o Barcelona em várias partidas.

Quem menos entrou em campo foi o goleiro Julio César. Preterido pelo técnico Harry Redknapp no Queens Park Rangers, o jogador precisou trocar de clube para chegar em forma à Copa do Mundo. Atuou apenas 15 vezes antes do torneio.

Além de Oscar, Neymar e Julio César, outros cinco titulares também atuaram menos na atual temporada do que antes das Confederações, e chegam à Copa, teoricamente, mais "descansados": Daniel Alves, David Luiz, Paulinho, Fred e Hulk.

Nesta terça-feira, os jogadores da seleção brasileira seguem a rotina de exames médicos. Os atletas só vão trabalhar no campo da Granja Comary na próxima quarta-feira. As próximas atividades serão em tempo integral.

Antes de estrear na Copa, no dia 12 de junho, contra a Croácia, na Arena Corinthians, em São Paulo, o Brasil fará dois amistosos de preparação. No dia 3, o rival será o Panamá, em Goiânia. Três dias depois, o time canarinho vai enfrentar a Sérvia, em São Paulo.


Às vésperas da Copa, Seleção celebra temporada amena de

Às vésperas da Copa, Seleção celebra temporada amena de

Fonte: GloboEsporte