Atleta perde patrocinador desde os escândalos sexuais

Atleta perde patrocinador desde os escândalos sexuais

Revista especializada Golf Digest não manteve o acordo

O ano não podia começar pior para o golfista americano Tiger Woods, que ficou sem mais um patrocinador, a revista especializada Golf Digest. A publicação é a mais importante do esporte, e possuía parceria com o atleta havia 13 anos. Isso aumenta para cinco o número de patrocínios que o golfista perdeu desde que foi surpreendido em uma série de relações extraconjugais.

O motivo do desencontro foram as horas que Woods deveria dedicar à promoção da revista e os trabalhos que tinha que realizar. A Golf Digest, com uma tiragem de 1,65 milhão de exemplares, anunciou o final, por acordo mútuo, de uma relação de promoção que começou no Masters de Augusta de 1997.

Woods estreou na revista em junho daquele ano, e iniciou o que se tornaria seu segundo patrocínio mais longo, só atrás do que assinou com a Nike.

A publicação especializada nunca divulgou os termos do acordo, embora acredita-se que fosse um dos menores para Woods em termos financeiros, não ultrapassando os US$ 2 milhões ao ano.

O anúncio foi feito duas semanas depois que a Gillette informou que não renovaria seu contrato com Woods, que expirou no final de 2010.

Fonte: Terra, www.terra.com.br