Atlético-MG bate Grêmio por 1 a 0 e assume liderança

Atlético-MG bate Grêmio por 1 a 0 e assume liderança

A vitória conquistada no Rio Grande do Sul deixa o Atlético-MG com 16 pontos

O Atlético-MG contou com um lance magistral para retornar à liderança do Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo, atuando no Estádio Olímpico, o clube mineiro venceu o Grêmio pelo placar de 1 a 0 e voltou para a primeira posição da competição. O gol da vitória, anotado por Jô, foi originado depois de uma jogada na qual o meia-atacante Bernard aplicou dois chapéus consecutivos em gremistas.

A vitória conquistada no Rio Grande do Sul deixa o Atlético-MG com 16 pontos, na primeira posição da Série A em virtude dos critérios de desempate - no caso, o saldo de gols em relação ao Vasco. Por outro lado, derrotado diante de sua torcida, o Grêmio permanece estacionado com 12 pontos. No próximo domingo, o time de Cuca recebe a Portuguesa, enquanto os gaúchos terão pela frente o Santos, fora de casa.

O confronto direto entre dois times que brigam pelas primeiras posições do Campeonato Brasileiro movimentou o Olímpico na noite deste domingo. Embalado pela estreia do meio-campista Zé Roberto, o Grêmio procurou ditar o ritmo de jogo, controlando a posse de bola. O Atlético-MG, por outro lado, buscava fechar os espaços do adversário e investir em contra-ataques, geralmente iniciados por Ronaldinho.

Apesar do controle gremista, o Atlético-MG foi quem estufou as redes na primeira etapa, graças ao espetáculo de habilidade protagonizado pelo garoto Bernard. A jovem revelação atleticana ¿chapelou¿ dois marcadores, invadiu a área e cruzou na medida para Jô. O homem mais adiantado da equipe de Cuca na partida finalizou de primeira, com precisão, e finalizou a grande jogada do colega com maestria.

A vantagem conquistada acuou o Atlético-MG. Ainda mais cauteloso por conta do placar, o time comandado por Cuca se retraiu e precisou contar com grande colaboração do goleiro Giovanni. O camisa 1 evitou por pelo menos duas vezes o empate. Aos 27min, Leonardo Silva desviou contra o próprio patrimônio e o obrigou a fazer uma grande defesa. Aos 39min, a intervenção ocorreu após desvio de Marcelo Moreno.

O Grêmio seguiu controlando a posse de bola e buscando a pressão durante a segunda etapa. Aos 7min, Zé Roberto, em seu melhor momento na estreia, arriscou o chute e viu a bola passar rente à trave de Giovanni. Três minutos depois, Kleber recebeu passe via lateral, invadiu a área e bateu firme. O camisa 1 atleticano, mais uma vez, impediu o empate gremista.

Somente focado no ataque, o time gaúcho deu espaços ao Atlético-MG, que por pouco não ampliou. Aos 22min, Ronaldinho deu grande passe para Danilinho desviar de primeira na direção de Jô. O centroavante, completamente livre, arrematou firme e viu Marcelo Grohe evitar um maior prejuízo para o clube mandante.

Bem postado defensivamente e ainda perigoso nos contra-ataques, o Atlético-MG viu o Grêmio se complicar aos 37min. Segundo interpretação do árbitro Paulo César de Oliveira, o lateral Anderson Pico agrediu Pierre na disputa de uma bola. Tal decisão resultou na expulsão do jogador gremista. Com um a mais, o clube alvinegro aproveitou ainda mais os espaços para assegurar o triunfo.

Fonte: Terra