Batista vai ter de matar a cabeça para escalar Peixe

São sete desfalques certos. Entre os jogadores que não poderão atuar: Neymar, Ganso e Elano

O Santos foi o time paulista que mais se reforçou para a temporada 2011, mas o técnico Adilson Batista não poderá contar com vários de seus principais jogadores neste início de ano. Para o jogo contra o Linense, sábado que vem, às 19h30m (horário de Brasília), pela primeira rodada do Paulistão, serão nada menos do que sete desfalques certos. Além disso, o treinador ainda tem duas dúvidas.

Os laterais Alex Sandro, Danilo, o atacante Neymar e o meia Alan Patrick estão servindo à Seleção Brasileira sub-20 e só ficarão à disposição de Adilson Batista depois do Campeonato Sul-Americano da categoria. Se o Brasil chegar à final, os garotos perderão as oito primeiras rodadas do Paulista. O meia Elano, principal reforço santista para 2011 até o momento, não jogará contra o Linense porque a janela de transferências para atletas que vêm de fora do País só abre no dia 15. O meia Paulo Henrique Ganso e o volante Charles estão machucados e só deverão voltar a jogar entre o fim de fevereiro e o início de março.

Entre as dúvidas estão o lateral-direito Jonathan e o volante Arouca. Recém contratado pelo Peixe, o ala vem se recuperando de uma inflamação no púbis. Já Arouca voltou a treinar após três dias afastado por causa de dores musculares e ainda não tem escalação assegurada. Não são casos graves, mas Adilson Batista irá esperar até o jogo-treino contra o Taboão da Serra, nesta quarta-feira, no CT Rei Pelé, para saber se os dois estão prontos para jogar.

- Temos essas preocupações e ainda vou esperar mais um pouco para saber qual o time será montado. Já tenho uma ideia. Temos jogadores sentindo dores, tem o pessoal da sub-20, tem a situação do Elano. São coisas que precisamos pensar direitinho - afirma o treinador santista.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com