Bethe Correia quer volta de Ronda ao MMA: "Quero uma revanche"

"O mundo gosta de ver ela lutar", afirmou Bethe em entrevista.

Um ano depois de protagonizar uma verdadeira guerra verbal contra Ronda Rousey durante a promoção da luta principal do UFC 190, Bethe Correia se prepara para voltar ao octógono do Ultimate no próximo sábado, 10 de setembro, contra Jessica Eye. Conhecida por não ter papas na língua e por não ter medo de falar o que pensa, a brasileira já esqueceu as críticas sofridas após a derrota para a ex-judoca, mas não a rivalidade. Ela, inclusive, torce para que Ronda volte logo ao MMA e revela o desejo de, no futuro, enfrentar mais uma vez a ex-campeã dos galos do Ultimate.

“Quando eu lutei contra a Ronda, infelizmente eu não saí com vitória para mostrar que o que eu falava dela era a verdade. Eu sempre falava que achava que a Ronda não tinha um psicológico muito forte e tal, prova disso é que depois que ela perdeu está até hoje desaparecida, ninguém tem notícias da Ronda. Não sei como ela está, quais foram os motivos, mas acho que bem ela não está. Foi uma derrota que ela realmente não esperava e acho que ela está tirando um tempo para superar isso. Jamais vou tirar o reconhecimento do que a Ronda fez pelo MMA feminino e eu adoraria que ela voltasse ao MMA. Não só eu, como o mundo todo quer vê-la de volta ao octógono, até porque eu tenho uma derrota no meu currículo para ela e é algo que eu ainda quero: fazer uma revanche contra a Ronda no futuro. Mas para isso ela tem que voltar primeiro”,  declarou em entrevista.

Durante o bate-papo, Bethe afirmou que as provocações funcionam como um "empurrão" na hora da luta, melhorando a sua performance. Ela também revelou detalhes da sua preparação para o combate contra Eye e analisou os pontos fortes da adversária, que é a atual décima colocada no ranking peso-galo feminino do UFC.

Ronda e Bethe (Crédito: Reprodução)
Ronda e Bethe (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do SporTV