Bruno foi ausência em treino do Flamengo

Segundo a diretoria do Flamengo, Bruno não deu uma justificativa oficial pela ausência.

O goleiro Bruno não apareceu para trabalhar com o elenco do Flamengo nesta segunda-feira na Gávea. Nas últimas horas, o atleta viu seu nome envolvido na suspeita da suposta morte de Eliza Samudio, sua ex-namorada. Aliás, a decisão de faltar ao treino fez o camisa 1 escapar de um batalhão de repórteres que compareceu às atividades do Rubro-Negro para repercutir o caso.

Segundo a diretoria do Flamengo, Bruno não deu uma justificativa oficial pela ausência. Por enquanto, o clube carioca evita se envolver no caso e diz que a investigação é um problema pessoal do arqueiro.

Eliza Samudio está desaparecida faz três semanas, mas seu corpo não foi encontrado. Na semana passada, a polícia recebeu a denúncia de que a jovem havia sido espancada no sítio de Bruno por três pessoas na região de Esmeraldas-MG.

O goleiro do Flamengo ainda teria um filho de apenas quatro meses com Eliza. O bebê foi encontrado com Dayanne do Carmo Souza, de 23 anos, justamente a atual esposa de Bruna.

As autoridades esperam a chegada de um mandado para iniciar as buscas no sítio de Bruno. Através de sua assessoria de imprensa, o goleiro desmentiu participação no desaparecimento da jovem.

Fonte: Terra