Campeonato Brasileiro: Na volta de Ronaldo, Corinthians bate Vitória por 2 a 1 e pressiona o Fluminense

Campeonato Brasileiro: Na volta de Ronaldo, Corinthians bate Vitória por 2 a 1 e pressiona o Fluminense

O resultado levou o time do Parque São Jorge a 34 pontos, tranquilo na segunda colocação

No aguardado retorno de Ronaldo ao Corinthians, o time paulista fez seu papel e derrotou o Vitória em casa, por 2 a 1, neste sábado, no Pacaembu. Iarley e Paulinho marcaram os gols dos anfitriões, que diminuíram para dois pontos a diferença em relação ao líder Fluminense - o time carioca ainda enfrenta o São Paulo nesta rodada. Pelo lado rubro-negro, Kleber Pereira descontou.

O resultado levou o time do Parque São Jorge a 34 pontos, tranquilo na segunda colocação da competição. Já o Vitória parou nos 21 pontos e segue na zona intermediária da tabela.

A grande atração da tarde deu um tremendo susto na torcida logo aos 2min. Após tentar um lançamento, Ronaldo sentiu dor na virilha e caiu no meio do gramado. Pouco depois de ser atendido, porém, voltou e foi aplaudido pela torcida alvinegra. A primeira chance corintiana também não demorou a sair: aos 7min, Bruno César bateu da entrada da área e a bola passou perto da trave.

O Vitória respondeu no lance seguinte, com o garoto Henrique. Ele recebeu passe na corrida, entrou na área e tocou na saída de Júlio César, mas mandou para fora, perdendo grande oportunidade.

Melhor em campo, o time paulista abriu o placar aos 10min. Do campo de defesa, Roberto Carlos fez um lançamento sensacional para Iarley, que desviou de cabeça com precisão, encobrindo o goleiro Viáfara.

Mesmo com Ronaldo discreto, buscando participar do jogo com tabelas rápidas e toques de primeira, o Corinthians dominava a posse de bola. O time baiano, fazendo uma marcação recuada, era perigoso no contra-ataque. Aos 22min, Júnior arriscou de fora da área e isolou pela linha de fundo; sete minutos depois, o atacante foi derrubado por Paulo André na área, mas o árbitro não marcou o pênalti.

Tocando bem a bola na frente, os paulistas mostravam dificuldades em concluir e tinham problemas com a saída rápida do adversário. Aos 29min, Eduardo bateu do bico da área, mas Júlio César pegou firme. Cinco minutos depois, foi Henrique quem assustou a torcida no Pacaembu com uma bomba no travessão.

Quando conseguiu escapar da marcação, porém, o Corinthians foi letal. Já nos acréscimos da primeira etapa, Elias fez boa jogada e invadiu a área; Gabriel tentou desarmar o volante rival e acabou entregando a bola nos pés de Paulinho. Sozinho, o camisa 15 só precisou empurrar para as redes, ampliando a vantagem.

O Vitória voltou para o segundo tempo com o atacante Soares no lugar de Renato, mas a postura mais ofensiva deixou espaços para as chegadas do time da casa. Aos 10min, Elias acionou Ronaldo na direita e o atacante cruzou rasteiro para Bruno César, que chutou em cima de Viáfara e perdeu a chance; na sequência, Ronaldo recebeu levantamento na área e ajeitou de cabeça para chute forte de Paulinho, que parou no goleiro colombiano.

Cansado e sentindo a falta de ritmo, Ronaldo deixou o gramado aos 16min para a entrada de William Morais. Adilson Batista foi forçado a fazer mais duas alterações por lesão nos minutos seguintes: Chicão e Paulinho deram lugar ao estreante Thiago Heleno e a Boquita, respectivamente.

No Vitória, Toninho Cecílio abriu ainda mais o time com Evandro e Kleber Pereira nas vagas de Bida e Vanderson. O time se lançou à frente e conseguiu diminuir aos 37min com participação da dupla: Evandro bateu falta da meia direita e Kleber Pereira, sozinho, desviou bem de cabeça, sem chances para Júlio César.

FICHA TÉCNICA

Corinthians 2 x 1 Vitória

Gols

Corinthians: Iarley, aos 10min, e Paulinho, aos 47min do 1º tempo

Vitória: Kleber Pereira, aos 37min do 2º tempo

Ponto Forte do Corinthians

Trabalhou bem a posse de bola e aproveitou as chegadas dos meio-campistas

Ponto Forte do Vitória

Assustou no contra-ataque, saindo com muita velocidade

Ponto Fraco do Corinthians

Vacilou na marcação pelo alto, principalmente no gol de Kleber Pereira

Ponto Fraco do Vitória

Deixou muito espaço no segundo tempo, quando se abriu para buscar o empate

Personagem do jogo

Ronaldo, que se movimentou bem em seu retorno aos gramados

Lance polêmico

Júnior foi derrubado dentro da área por Paulo André aos 29min do primeiro tempo, mas o pênalti não foi marcado

Esquema Tático do Corinthians

4-4-2

Júlio César; Alessandro, Chicão (Thiago Heleno), Paulo André e Roberto Carlos; Paulinho (Boquita), Jucilei, Elias e Bruno César; Iarley e Ronaldo (William Morais). Técnico: Adilson Batista

Esquema Tático do Vitória

4-4-2

Viáfara; Gabriel, Wallace, Thiago Martinelli e Eduardo; Vanderson (Kleber Pereira), Ricardo Conceição, Bida (Evandro) e Renato (Soares); Henrique e Júnior. Técnico: Toninho Cecílio

Cartões amarelos

Corinthians: Iarley, Paulo André, Chicão, Elias e William Morais

Vitória: Eduardo, Soares, Evandro e Ricardo Conceição

Árbitro

Célio Amorim (SC)

Local

Estádio do Pacaembu, São Paulo (SP)

Fonte: Terra, www.terra.com.br