Capitã da Seleção Brasileira de vôlei é chamada de "macaca"

Um homem na torcida "disparou uma metralhadora de insultos" e a chamou de "macaca".


A capitã da Seleção Brasileira de vôlei e jogadora do Sesi-SP,  Fabiana, foi alvo de insultos racistas durante partida contra o Camponesa/Minas pela Superliga Feminina, na última terça-feira (27).

Um homem na torcida "disparou uma metralhadora de insultos" e a chamou de "macaca" por várias vezes, tendo sido retirado do ginásio e encaminhado à delegacia em Belo Horizonte. Por meio das redes sociais, ela disse que foi especialmente atingida pelo episódio por ser nativa da capital mineira, e também por sua família estar presente ao ginásio.

 "A esse senhor, lamento profundamente que ache que as chicotadas que nossos antepassados levaram há séculos, não serviriam hoje para que nunca mais um negro se subjugue à mão pesada de qualquer outra cor de pele. Basta de ódio! Chega de intolerância!", escreveu a  bicampeã olímpica em Pequim 2008 e Londres 2012.

Em quadra, a partida terminou com vitória do Minas por 3 sets a 1.


 

Fonte: Terra