Carlos Rabello comanda o River a partir desta quarta

Carlos Rabello comanda o River a partir desta quarta

Carlos Rabello tem passagens por vários clubes, incluindo Coruripe, CRB, América de Natal, Bragantino (SP), Rio Branco de Americana, Mirassol, Ituano.

O diretor de futebol do River, Evaldo Carvalho, confirmou que serão apresentados oficialmente hoje o novo treinador, Carlos Rabello, e o meia atacante Bruno Carvalho. Conforme adiantou ao JMN ontem, Bruno estava previsto para chegar à 00h50 desta quarta, enquanto Carlos Rabello na parte da manhã.

Rabello tem passagens por vários clubes, incluindo Coruripe, CRB, América de Natal, Bragantino (SP), Rio Branco de Americana, Mirassol, Ituano e Guaratinguetá. Embora não tenha treinado nenhuma equipe piauiense, chega ao River com a missão de comandar o Galo rumo ao 28º título estadual.

?As expectativas são as melhores possíveis, pois o River é um time de massa e maior expressão do Estado. O time riverino deve estar sempre disputando títulos e, com isso, vou com a missão de conquistar esses títulos, que o River não vê há mais de 5 anos?, disse o treinador ao blog MN Esportes, do Meionorte.com.

Já Bruno Carvalho, oriundo do Bangu, é a aposta da diretoria do River para dispor de mais uma opção no meio de campo. Conforme o presidente Elizeu Aguiar já havia comentado, Bruno tem características ofensivas, configurando-se como meia atacante, e sua especialidade é desenvolver jogadas no setor esquerdo da intermediária.

Vanin começa hoje a definir Cori-Sabbá

Empatar em casa não é lá um bom resultado. No entanto, o jogo en- tre Cori-Sabbá e River, em Floriano, no último sábado (26), pela primeira rodada do Campeonato Piauiense Chevrolet 2013, pode ser considerado uma exceção.

Isso porque a equipe, que retorna ao campeonato nesta edição depois de dois anos sem participar, tem sede de bons jogos.

O fato de arrancar o empate contra equipe do River, tendo jogado melhor, e de ter conseguido afastar a difícil tarefa de enfrentar uma derrota infligida através de um gol contra, dá a tônica da semana de preparação do time de Floriano, que na próxima rodada pega o Parnahyba, no piscinão do Tubarão, às 16h do dia 03/02 (domingo).

O técnico Vanin conversou com o Jornal Meio Norte e afirmou que os trabalhos começaram logo na segunda feira.

"Buscamos, em um primeiro momento, trabalhar a parte física, para que estejamos com a equipe bem preparada nesse aspecto. Nesta quarta (30) os trabalhos com bola serão intensificados, e aí terei a oportunidade de observar melhor a equipe", adiantou o treinador.

Vanin afirma que, a princípio, não há necessidade imediata de mudanças no time, e que o elenco está completamente à disposição. Resumindo, a situação do técnico pode ser definida citando um velho ditado popular:

Um olho no peixe e outro no gato.

E que peixe. O Tubarão também vem de um jogo no qual, mesmo depois de desperdiçar uma cobrança de pênalti, foi buscar o empate no final. Perdia para o Barras, no estádio Juca Fortes, quando Luciano marcou, quase no apagar das luzes. Nesse contexto, o técnico do Cori tem consciência de que o Parnahyba também está motivado.

"Pelo que conheço do Paulo Moroni, ele gosta de jogar tentando tomar de conta do meio de campo. Também sei que o Parnahyba gosta de definir o jogo logo nos primeiros 20 minutos. Então, se tentarmos jogar do meio para trás, certamente iremos sofrer pressão.

Com isso, estamos buscando melhorar a atuação dos jogadores da intermediária, facilitando as ligações rápidas com os homens de ataque. Não podemos nos fechar. Temos que partir pra cima, mas sem esquecer da atenção na marcação", complementou o técnico.

"Estamos bem, mas precisamos entrosar mais", diz técnico do Fla

A equipe do Esporte Clube Flamengo fez, na tarde de ontem (29), treinamento com ênfase na parte física, no Centro de Esportes da UFPI. Na ocasião, o treinador Celso Teixeira conversou com o JMN a respeito do futuro do time, que lidera o Campeonato Piauiense Chevrolet 2013.

O próximo confronto do time é o clássico contra o Piauí, no domingo (03/02), no Lindolfo Monteiro. "A princípio, não vejo necessidade de alterações, até porque rendemos bem e fizemos um bom jogo no domingo contra o time de Picos.

No entanto, todos sabemos que futebol é evolução, e nós precisamos de mais entrosamento. Isso virá com o tempo, e terei uma visão mais completa do time na terceira ou na quarta rodada do campeonato. Evoluir constantemente é indispensável, pois já ficou claro que este campeonato será disputado", disse Teixeira.

O treinador também falou sobre a demissão de Aníbal Lemos do comando do River. Aníbal foi substituído por Carlos Rabello, treinador paulista que chega nesta quarta para ser apresentado aos jogadores e à comissão técnica do Galo.

"Nunca vou concordar com isso. Sei que o trabalho deles é outro e que cada time tem sua maneira de conduzir seus rumos, mas não posso deixar de me colocar na pele do profissional. Quando uma demissão acontece dessa forma, acaba ressoando Brasil afora".

O goleiro Robson falou sobre a próxima partida da raposa, contra o Piauí. "Vencemos e estamos bem, porque fizemos uma boa pré- temporada, além de podermos contar com um bom elenco. No entanto, sabemos que o time do Piauí está bem postado", disse o arqueiro.

Fonte: Dowglas Lima