Chael Sonnen mostra estratégia para luta "fácil" contra Anderson

Chael Sonnen mostra estratégia para luta "fácil" contra Anderson

Americano treina golpes para se proteger do Spider e promete causar "dor"

Anderson Silva e os quase seis anos como campeão dos pesos-médios do UFC não intimidam Chael Sonnen, pelo menos em suas declarações. Seguro de si, o desafiante voltou a afirmar que o brasileiro será um oponente tranquilo e fácil de derrotar. Se no discurso o americano mantém sua segurança, nos treinamentos ele trabalha focado nos perigos que o Spider pode levar para o octógono. Durante quase meia hora de performance no treino aberto desta quinta, em Vegas, Sonnen mostrou chutes e cotoveladas rodadas, golpes que são novidades em seu repertório. Além disso, praticou defesas de joelhadas e socos, características de Anderson Silva, seguidas de ataque para a queda.

- Eu lutaria contra esse cara todos os dias. Adoro lutas que são fáceis. Já enfrentei muitos caras complicados, como Okami e Bisping. Lutaria com ele uma terceira vez, mas ele não vai querer, porque vai ser destruído de novo. A luta não vai ser nada apertada. Eu sei como vai ser: Vou bater nele de novo e ele vai dizer que não estava pronto. Não tenho um rival nessa divisão ou nesse esporte. Sou o melhor do mundo. Vou passar por esse cara no sábado - afirmou o falastrão.

A história de Anderson dentro do Ultimate parece irrelevante para Sonnen. Questionado sobre o porquê do Spider conseguir a façanha de ser o campeão por tanto tempo e, consequentemente, quebrar recordes dentro da organização, o americano fez pouco caso e negou que o Spider possa ser considerado uma lenda do esporte.

- Ele é campeão porque bateu oponentes fáceis em lutas fáceis. É assim que vou lembrar dele. Ele ganhou 12 lutas. E daí? Eu já derrotei nove rivais em um dia. Por que 12 é tão impressionante? - questionou.

Americano promete causar "dor" e cumprimentar rival

Anderson Silva já afirmou que após a luta contra Sonnen pretende manter seu hábito de reverenciar os oponentes ainda dentro do octógono. Ao menos neste ponto, Chael não pensa diferente de seu desafeto. Com seu jeito ""fanfarrão", ele garantiu que não vê problemas em cumprimentar o brasileiro, mas, antes disso, pretende causar danos dentro do cage.

- Isso não é sobre respeito, é sobre vitória. E ponto. Eu sempre vou cumprimentar um rival depois de um competição. Eu não desejo uma vida ruim para Anderson Silva. Mas vou lhe dar muita dor dentro das regras do octógono - prometeu.

Mesmo nos Estados Unidos, Sonnen não viveu seu dia de estrela e acabou sendo ofuscado por Anderson Silva, ovacionado por muitos brasileiros que assistiram ao treino. A minoria a favor de Sonnen, apesar de silenciosa, também deu o seu recado. Enquanto o americano distribuía sorrisos, um fã gritou: ""Chael para presidente"". Bem humorado, ele respondeu:

- Esse é um bom voto.

Anderson Silva encara Chael Sonnen neste sábado no UFC 148, que começa a partir das 20h (de Brasília) com o card preliminar. O brasileiro tenta defender seu cinturão dos pesos-médios pela décima vez.

UFC 148

7 de julho de 2012, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL

Anderson Silva x Chael Sonnen

Forrest Griffin x Tito Ortiz

Cung Le x Patrick Côté

Dong Hyun Kim x Demian Maia

Chad Mendes x Cody McKenzie

Ivan Menjivar x Mike Easton

CARD PRELIMINAR

Gleison Tibau x Khabib Nurmagomedov

Melvin Guillard x Fabrício "Morango" Camões

Costa Philippou x Riki Fukuda

John Alessio x Shane Roller

Rafaello Oliveira x Yoislandy Izquierdo

Fonte: Globo Esporte