Chapecoense supera Bahia por 2 a 1, vence segunda partida e respira aliviado

Chapecoense supera Bahia por 2 a 1, vence segunda partida e respira aliviado

Antes da bola rolar Bruno Rangel entrou em campo para saudar o torcedor da Chapecoense

A Chapecoense conseguiu sair da zona de rebaixamento. O time catarinense derrotou o Bahia por 2 a 1 neste domingo, na Arena Condá, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, e deixou as últimas posições. Com gols de Abuda e Alemão, os donos da casa conseguiram sua segunda vitória e poderão trabalhar com trabalhar com tranquilidade durante a pausa para a Copa do Mundo. Por outro lado, os visitantes continuam com oito pontos e se aproximaram da parte de baixo da tabela.

Antes da bola rolar Bruno Rangel entrou em campo para saudar o torcedor da Chapecoense. O atacante foi apresentado essa semana como reforço da equipe para o restante do Campeonato Brasileiro. O jogador foi o artilheiro da Série B no ano passado e estava atuando pelo futebol do Qatar.

O jogo começou bastante estudado e com poucas oportunidades de gol. O duelo colocou frente a frente duas equipes que lutam para se afastar das últimas posições. Por conta disso, tanto Chapecoense como Bahia demonstravam uma postura mais cautelosa.

O Bahia esperava em seu campo para explorar possíveis contra-ataques e a Chapecoense tinha dificuldade para acelerar seu jogo e não conseguia furar o bloqueio do adversário. A equipe visitante tinha em Anderson Talisca e Maxi Biancucchi as principais esperanças na frente, mas estavam bem marcados.

O trio ofensivo dos donos da casa formado por Nenén, Tiago Luís e Alemão, quase não era notado. Mesmo com menor posse de bola, o Bahia chegou a se aproximar do gol porque arriscaram alguns chutes de longe com Anderson Talisca. A Chapecoense equilibrou as ações, mas estava com uma pontaria ruim e a primeira etapa terminou mesmo empatada sem gols.

O segundo tempo iniciou de maneira diferente porque a Chapecoense conseguiu implantar seu jogo e, aos nove, abriu o placar. Abuda recebeu passe de Fabiano pelo lado direito, dominou e acertou um chute colocado para vencer Marcelo Lomba.

Os donos da casa passaram a jogar nos contra-ataques e quase marcaram o segundo, aos 11, com Alemão. Após erro na saída de bola do Bahia, o atacante recebeu lançamento para a área e chuta por cima da meta.

O segundo gol acabou acontecendo, aos 25, com Alemão. O atacante recebeu passe dentro da área e chutou rasteiro. A bola passou por baixo de Marcelo Lomba. Demerson cortou a bola dentro do gol e o árbitro Igor Benevenuto confirmou. Rafael Miranda reclamou asperamente e recebeu o cartão amarelo.

O confronto caiu de produção porque o Bahia não encontrou força para conseguir reagir. No fim, Demerson ainda diminuiu, aos 40, após jogada dentro da área. A Chapecoense, porém, conseguiu tocar a bola para passar o tempo e confirmou sua segunda vitória na competição.

Fonte: Terra