Chris Weidman admite nova revanche para seu rival Anderson Silva no UFC

O americano deu uma nova chance ao brasileiro

Chris Weidman chocou o mundo ao tomar o cinturão de Anderson Silva na categoria peso-médio no UFC. O americano deu uma nova chance ao brasileiro, que fraturou a perna de forma dramática e foi derrotado novamente. Mas os fãs do MMA só querem saber quando será o novo embate entre os dois. E no que depender do atual campeão dos pesos médios, haverá um novo duelo, a trilogia.


Chris Weidman admite nova revanche para Anderson Silva no UFC

"Venci por nocaute a primeira vez, e realmente não fiquei feliz da maneira como terminou a segunda. Mas o destino quis que acontecesse desta forma, não há o que fazer. Mas ele [Anderson] agora teria de vencer alguns combates antes que possa me enfrentar novamente. Mas, se essa for a luta que os fãs querem, então que assim seja", disse o americano ao canal ESPN americano, de acordo com o site oficial do UFC no Brasil.

"A carreira de Anderson é grande fator motivacional para mim, desde o primeiro treino de MMA que fiz na vida", completou Weidman.

O duelo, no entanto, não será tão cedo. Isso porque Anderson Silva ainda se recupera de lesão sofrida contra o próprio Weidman. O brasileiro já foi liberado para realizar praticamente todos os movimentos, com exceção de chutar e pular. Ele, inclusive, já está sendo sparing desde a semana passada. O ex-campeão dos médios projeta seu retorno às competições para o início de 2015.

Chris Weidman, por sua vez, volta ao octógono no UFC 175, no dia 5 de julho. No evento de las Vegas, o americano defenderá o cinturão pela segunda vez. O desafiante da vez é Lyoto Machida. Caso conquiste nova vitória, ele terá mais um brasileiro pela frente: Victor Belfort, ainda sem previsão de data.

"Eu sempre espero o inesperado, o que é bom. Lyoto é um lutador diferenciado, singular. Mas por saber que ele tem um estilo próprio, posso garantir que estou preparado para a luta", finalizou Weidman.

Fonte: UOL