Com dores musculares, Fred não enfrenta o Figueirense

Segundo o coordenador médico tricolor, Victor Favilla, problema do camisa 9 é nos membros inferiores

O Fluminense ganhou um desfalque de última hora para a partida diante do Figueirense, nesta quarta-feira, às 19h30m (de Brasília), no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. Com dores musculares generalizadas nos membros inferiores, o atacante Fred será poupado por precaução. A tendência é que o jogador seja substituído por Rafael Moura. O departamento médico do clube, no entanto, garante que o camisa 9 estará em campo no próximo domingo, no clássico contra o Vasco, também no Engenhão.

As últimas semanas do atacante tricolor têm sido conturbadas. Visto por torcedores em um bar no dia 2 de agosto, Fred disse ter sido ameaçado pelos mesmos. Alegando falta de condições psicológicas, o jogador ficou fora de duas partidas pelo Campeonato Brasileiro, contra Internacional e América-MG, e chegou a colocar em dúvida seu futuro nas Laranjeiras. Depois, ele se apresentou normalmente à Seleção Brasileira e até jogou alguns minutos no amistoso diante da Alemanha. No retorno ao Brasil, convocou uma entrevista coletiva e anunciou que ficaria no Tricolor. A derrota para o Grêmio, no último fim de semana, marcou o retorno do camisa 9, com direito a gol. Mas, segundo o coordenador médico do clube, Victor Favilla, Fred começou a reclamar de dores logo após o apito final.

- Foi depois do jogo. O campo estava pesado, o tempo, frio, e ele sentiu muito essas condições adversas. Mas são apenas dores. É bom frisar que não há lesão alguma, e o jogador não fará exames. A decisão de tirá-lo do jogo foi do departamento médico por precaução. No fim de semana, ele joga - garantiu Favilla.

Fred esteve nas Laranjeiras na parte da tarde, mas não apareceu no gramado onde seus companheiros participavam do treinamento do dia. Ele chegou ao clube ainda pela manhã, a pedido dos médicos tricolores, e deu início ao tratamento. De 15 jogos do Fluminense no atual Brasileiro, o jogador participou de apenas sete (46,7%).

- Pedimos para ele vir de manhã tratar. Fred foi reavaliado, mas as dores não melhoraram e não vale a pena colocá-lo em campo - explicou.

Araújo fora de duas a três semanas

Além de Fred, o técnico Abel Braga também não poderá contar com Araújo. O problema desse último, porém, é mais grave. O jogador sofreu um estiramento grau 1 na coxa esquerda na derrota para o Grêmio e deve desfalcar a equipe por duas ou três semanas. Na última segunda, em entrevista coletiva, Abelão já tinha revelado que Araújo havia sentido dores na partida, mas o técnico ainda tinha esperança de que não fosse nada grave.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com