Com empurrão da torcida, Bahia derrota Ponte no fim e respira

Bahia venceu a Ponte Preta, por 1 a 0, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro

Com um grande apoio da torcida baiana que compareceu em bom número ao Estádo do Pituaçu neste domingo, o Bahia venceu a Ponte Preta, por 1 a 0, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, e respirou na disputa contra o rebaixamento. O gol dos donos da casa saiu apenas aos 36min da etapa final, após a equipe campineira, que dominou grande parte do jogo, cansar por causa do forte calor em Salvador.

Com o resultado, o Bahia vai para a 15ª colocação, com 43 pontos. Já a Ponte continua com 46 pontos, em 12º lugar. Na próxima rodada, o clube baiano recebe o Náutico, no domingo, às 17h (Brasília), enquanto que o clube campineiro joga em casa contra o São Paulo, no mesmo dia e horário.

O jogo

O duelo em Salvador começou com a Ponte Preta pressionando no ataque, com uma postura surpreendentemente ofensiva. O Bahia respondia e também levava perigo quando subia ao ataque, deixando os primeiros minutos bastante movimentados. Mais incisivos, os visitantes perderam seguidas chances de sair na frente no início do duelo.

Mesmo jogando em casa e precisando da vitória, o Bahia continuou acuado no campo de defesa. Aos 25min, Ferron cabeceou para fora na cara do goleiro Marcelo Lomba. A partir dos 30min o Bahia começou a igualar as ações de jogo e quase marcou com Hélder, aos 32min, em chute de fora da área. O duelo continuou quente e com muitas chances nos minutos finais do primeiro tempo, mas as equipes foram para o intervalo sem mexer no placar.

Após o bom primeiro tempo, as equipes voltaram errando muito para a etapa final. Na melhor chance do jogo, Cicinho recebeu de frente para Lomba, mas dominou mal e chutou sem ângulo para fora aos 14min. Quatro minutos mais tarde, o Bahia, embalado pelos gritos da torcida, quase abriu o placar com Fahel de cabeça. Aos 19min, foi a vez de Hélder perder boa chance na grande área.

Em rápido contra-ataque aos 29min, Edson Bastos salvou de forma impressionante a Ponte Preta em dois lances. Primeiro, em finalização de Souza. No rebote, o goleiro ponte-pretano abafou a finalização certeira de Zé Roberto. Aproveitando o cansaço da Ponte, os mandantes foram pra cima em busca da vitória. Aos 36min, Neto recebeu passe de Hélder e tocou no canto de Edson Bastos para marcar o gol que deixou o Pituaçu em festa.

Ficha técnica

BAHIA 1 X 0 PONTE PRETA

Gols

BAHIA: Neto, aos 36min do segundo tempo

BAHIA:Marcelo Lomba, Neto, Allyson, Fabinho e Romário (Victor Lemos); Fahel, Diones, Hélder e Gabriel (Kleberson); Souza e Jones Carioca (Zé Roberto)

Treinador: Jorginho

PONTE PRETA: Edson Bastos, Cicinho, Cleber, Ferron e João Paulo; Baraka, Wendel Santos, Nikão (Marcinho) e Renê Junior, Luan (Rossi) e Roger (Giancarlo)

Treinador: Guto Ferreira

Cartões amarelos

BAHIA: Hélder, Alysson, Neto

PONTE PRETA: Cléber, Ferron, Wendel Santos

Árbitro

Heber Roberto Lopes

Local

Estádio do Pituaçu, em Salvador (BA)


Com empurrão da torcida, Bahia derrota Ponte no fim e respira

Fonte: Terra