Flu: Com Fred no centro das atenções, o time joga com o Lusa

Atacante completa 400 partidas na carreira e tenta ajudar Tricolor a encerrar sequência de empates. Lusa busca ultrapassar o adversário

O primeiro encontro entre Fluminense e Portuguesa no Engenhão será especial para Fred. Quando entrar em campo às 21h deste sábado, o atacante completará 400 jogos na carreira, 127 deles pelo Tricolor, que se tornará o clube que mais vezes defendeu. É um ingrediente a mais para deixá-lo no centro das atenções, numa semana em que chegou às Laranjeiras com seu novo carro, um Porsche Panamera avaliado em R$ 950 mil.

O atacante, que voltou de lesão no empate por 0 a 0 com o Inter, no domingo passado, tentará ajudar o Fluminense a encerrar a sequência de três empates e conseguir a primeira vitória em casa neste Campeonato Brasileiro. O time soma seis pontos e ocupa o décimo lugar, pouco acima da Portuguesa, que tem quatro e está em 12º. Na última rodada, os paulistas conseguiram seu primeiro triunfo na competição ao baterem o Atlético-GO.

O Fluminense continua bastante desfalcado, mas terá pela segunda vez seguida o trio ofensivo formado por Deco, Fred e Wellington Nem. Será um desafio para a defesa da Portuguesa, que contra os goianos pela primeira vez no torneio não sofreu gol.

O árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva (PA) apita a partida. Ele será auxiliado por Carlos Berkenbrock e Kleber Lucio Gil, ambos de Santa Catarina. O Premiere exibe a partida para todo o Brasil.

Escalações:

Fluminense: Abel Braga resolveu fazer mistério em relação ao dono da lateral direita. Ele já tem o time na cabeça, mas não o divulgou. Bruno e Wallace brigam pela vaga. Na esquerda, Carlinhos deve jogar, mas Carleto está de sobreaviso caso as dores musculares não melhorem. De resto, o time atua sem novidades: Diego Cavalieri, Wallace (Bruno), Gum, Anderson e Carlinhos (Carleto); Edinho, Jean, Wagner e Deco; Wellington Nem e Fred.

Portuguesa: satisfeito com a primeira vitória da Lusa no Brasileirão, conquistada diante do Atlético-GO, na última rodada, o técnico Geninho não deve fazer muitas alterações na equipe titular. Ricardo Jesus disputa com Vandinho uma vaga no ataque. Recuperado de lesão muscular, Michael volta a ficar à disposição da comissão técnica. Assim, a Portuguesa deve entrar em campo com Gledson; Gustavo, Rogério e Lima; Luis Ricardo, Boquita, Moisés, Léo Silva e Raí; Ananias e Vandinho (Ricardo Jesus).

Quem está fora:

Fluminense: não há ninguém suspenso, mas o departamento médico tricolor continua cheio. Ao todo, cinco jogadores ainda se recuperam de lesões: o volante Diguinho (entorse no tornozelo esquerdo); o zagueiro Leandro Euzébio (hérnia de disco); o meia Thiago Neves (submetido a uma artroscopia) e os atacantes Rafael Sóbis (lesão na coxa direita) e Rafael Moura (tendinite nos tornozelos). Além deles, o volante Valencia, já recuperado de um estiramento na coxa direita, segue trabahando a parte física.

Portuguesa: o técnico Geninho tem problemas para escalar a equipe. O lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro, o zagueiro Leandro Silva e o meia Maylson, entregues ao departamento médico, são desfalques. O goleiro Dida e o zagueiro André Luis já treinam normalmente com o restante do elenco, mas não foram relacionados para a partida.

Pendurados:

Fluminense: Edinho.

Portuguesa: Gustavo e Luís Ricardo.

Árbitro:

Dewson Fernando Freitas (PA) apita a partida, auxiliado por Carlos Berkenbrock (Fifa/SC) e Kleber Lucio Gil (SC). Dewson participou de dois jogos no Brasileiro de 2011, não aplicou nenhum cartão vermelho, nenhum pênalti e assinalou 66 faltas (média de 33) em um campeonato que registrou média de 0,3 vermelho, 35,8 faltas e um total de 116 pênaltis. Ele faz sua estreia neste campeonato.

Fonte: GloboEsporte.com