Com gol irregular de Drogba, Chelsea bate o Manchester por 2 a 1 e assume liderança

Com gol irregular de Drogba, Chelsea bate o Manchester por 2 a 1 e assume liderança

O Chelsea suportou a pressão do Manchester e bateu o rival por 2 a 1,

O Chelsea suportou a pressão do Manchester e bateu o rival por 2 a 1, no estádio Old Trafford, neste sábado, na abertura da 33ª rodada do Campeonato Inglês. De quebra, o time de Londres assumiu a liderança da competição com 74 pontos, dois a mais que os Diabos Vermelhos. Joe Cole, de letra, e Drogba, em impedimento, garantiram o triunfo dos Blues. Macheda descontou para o United.

- Não acho que a vitória foi decisiva. Já a derrota nos afastaria da disputa do título. Agora temos a vantagem de dois pontos e é muito melhor nesta reta final estar na frente do que correr atrás de alguem. Agora teremos três jogos em casa nestas últimas cinco rodadas da Premier League, mas também temos dois jogos complicados fora contra Liverpool e Tottenham. Temos que manter a concentração nestes jogos para conquistarmos o título - disse o meia Deco, que foi titular dos Blues em Manchester.

Chelsea domina o primeiro tempo e fica em vantagem

Precisando da vitória para pegar a liderança do rival, o Chelsea, que contou com os brasileiros Alex e Deco, tomou a iniciativa do jogo e atacou o Manchester no primeiro tempo. Os Diabos Vermelhos sentiram a falta de Rooney, que se recupera de uma lesão no tornozelo e assistiu ao clássico em um camarote do Old Trafford. O United pouco produzia no ataque e dava espaços aos Blues, que tinham a maior posse de bola em campo. O domínio acabou traduzindo em gol. Malouda fez grande jogada pela esquerda, passou pela marcação de Fletcher, entrou na área e cruzou rasteiro para Joe Cole, que desviou de letra, abrindo o placar aos 19 minutos do primeiro tempo.

O Manchester só levou perigo com uma cabeçada de Berbatov. A torcida do United ainda reclamou de um pênalti que o sul-coreano Park teria sofrido após chegada de Zhirkov. O ritmo no fim do primeiro tempo caiu e o Manchester não conseguiu superar a marcação do Chelsea.

Na etapa final, o Manchester adotou uma postura mais ofensiva, mas foi o Chelsea que quase ampliou no começo. Joe Cole colocou Paulo Ferreira na cara do gol. O português chegou desequilibrado no lance, mas conseguiu bater com perigo. A pelota passou raspando a trave do goleiro Van der Sar.

Empurrado pela sua torcida, o Manchester iniciou sua pressão. O Chelsea sentiu e não consegui sair do seu campo de defesa. Aos 15 minutos, os Diabos Vermelhos quase chegaram ao empate. Berbatov aproveitou o cruzamento na área e desviou, de cabeça, à direita da meta de Peter Cech.

Vendo a pressão do Manchester, Carlo Ancelotti tirou Anelka e colocou em campo Drogba, que estava no banco. Alex Ferguson deu o troco e também mexeu em seu time, saindo Scholes e entrando Nani.

A mudança do Chelsea deu certo aos 34 minutos, e Drogba fez o segundo gol. O atacante recebeu a bola em posição de impedimento, invadiu a área e bateu com força para ampliar o marcador.

Mas dois minutos depois, o jovem italiano Macheda, que acabara de entrar no lugar de Park, descontou para o Manchester. De peito, o camisa 27 aproveitou o cruzamento de Nani e o desvio do goleiro Peter Cech para mandar a bola para o fundo da rede.

No final do jogo, o time da casa colocou pressão em busca do empate, mas o Chelsea suportou bem e garantiu a liderança do Campeonato Inglês.

Confira os jogos da 33ª rodada do Campeonato Inglês

Sábado

Manchester 1 x 2 Chelsea

Arsenal 1 x 0 Wolverhampton

Bolton 0 x 1 Aston Villa

Portsmouth 0 x 0 Blackburn

Stoke 2 x 0 Hull City

Sunderland 3 x 1 Tottenham

Burnley x Manchester City

Domingo

Fulham x Wigan

Birmingham x Liverpool

Everton x West Ham

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com