Com Neymar jogando no segundo tempo, Barcelona faz oito gols e volta a massacrar Santos

Com Neymar jogando no segundo tempo, Barcelona faz oito gols e volta a massacrar Santos

Os gols foram marcados por Messi, Léo (contra), Alexis Sánchez, Pedro, Fabregas (duas vezes), Adriano e Dongou

Pela segunda vez em dois anos, o Barcelona atropelou o Santos em um encontro entre os dois times. Nesta sexta-feira, na final do torneio amistoso Joan Gamper, no Camp Nou, a equipe catalã aplicou impiedosos 8 a 0 sobre o time alvinegro, fazendo a torcida lembrar da derrota por 4 a 0 na decisão do Mundial de Clubes de 2011. E a estrela do dia, Neymar, começou no banco, entrando apenas no intervalo.

Os gols foram marcados por Messi, Léo (contra), Alexis Sánchez, Pedro, Fabregas (duas vezes), Adriano e Dongou. Neymar jogou todo o segundo tempo - 17 minutos ao lado de Messi - e passou em branco, mas deu a assistência para um dos gols de Fabregas.

O jogo

O Barcelona começou a partida com o ataque formado por Messi, Alexis Sánchez e Pedro. Envolvendo rapidamente o Santos com seu toque de bola, o time da casa abriu o placar logo aos 7min: Pedro tentou enfiada na área, a bola desviou em Galhardo e sobrou limpa para Messi, que driblou o goleiro Aranha e tocou para as redes.

Os gols começaram a sair naturalmente. Aos 11min, Daniel Alves escapou pela direita e cruzou, mas Léo desviou contra a própria meta. Nove minutos depois, Messi invadiu a área como quis e serviu Sánchez, que apenas deslocou Aranha para fazer 3 a 0. O quarto e último gol da primeira etapa saiu aos 28min, quando Alba passou livre pela esquerda e cruzou para Pedro completar.

As duas equipes fizeram muitas alterações no intervalo; no Barcelona, Neymar entrou em campo no lugar de Pedro pela ponta esquerda. E com 7min, o time espanhol fez o quinto gol. Sánchez fez boa jogada pelo meio e tocou para Fabregas na área, que apenas deslocou o goleiro Vladimir.

O Santos não conseguia reagir e mal ficava com a bola no pé. Neymar teve seu melhor momento aos 22min, quando recebeu a bola pela esquerda e deu ótimo passe para Fabregas no meio da área, que chegou batendo para fazer o sexto gol. Aos 29min, Adriano acertou uma bomba de fora da área para aumentar para 7 a 0.

O oitavo e último gol saiu aos 37min, quando Fabregas recebeu na área e serviu o jovem camaronês Dongou, que só precisou completar para o gol vazio. Os minutos finais foram de muitas tentativas individuais de Neymar, que buscou o gol até o apito final, mas parou na zaga santista: a melhor chance foi aos 44min, quando chutou forte de esquerda, mas a bola passou por cima do travessão.















Fonte: Terra