Com simpatia e beleza, apresentadora de esportes se destaca

A carioca de 26 anos jura que não imaginava chegar tão longe e rápido – ela está há dois anos na casa.

Acostumada a acompanhar convocações da seleção, Fernanda Gentil levou um susto quando recebeu um e-mail da direção de esportes da Globo a escalando para fazer parte da equipe que acompanha o time brasileiro na Copa das Confederações. Pudera. Única mulher do grupo ? e a mais jovem entre repórteres experientes como Tino Marcos e Mauro Naves ?, a carioca de 26 anos jura que não imaginava chegar tão longe e rápido ? ela está há dois anos na casa.



?Primeiro pensei: ?Ah, devem ter chamado todo mundo porque a Copa é no Brasil?. Depois é que me dei conta do que estava acontecendo?, diz ela, que apresenta flashes na programação da Globo durante o torneio.

Repórter e apresentadora do ?Placar da Rodada?, do ?Jornal da Globo?, Gentil virou a musa da cobertura do evento da Fifa. A beleza conta, mas a simpatia e a versatilidade parecem ter peso maior. Anteontem, surpreendeu ao topar cantar ao vivo na sua entrada no ?Encontro com Fátima Bernardes?. ?Estava cantando ?Evidências? fora do ar. Aí a Fátima fez o desafio quando o programou voltou?, conta ela, que logo virou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. ?Fiquei feliz com a repercussão, mas mais com o que eu ouvi da Fátima e da Ana Maria Braga. Ouvir elogios sobre nosso trabalho é especial. Saí e fui chorar no banheiro.?

Mas é pelo sorriso largo que Gentil é mais reconhecida. E pela vez que fez um câmera da SporTV ter uma crise de riso quando, sem querer, fez menção de cumprimentar um deficiente visual, na Copa de 2010. A gafe, diverte-se, abriu portas. ?Na hora, eu tive medo de acharem que foi proposital? , admite ela, que foi parar no ?CQC? e no ?Programa do Jô?. ?Mas virou uma grande piada. Costumo dizer que o ceguinho não tem ideia do quanto ele ficou famoso no país?, brinca.

Fonte: Terra