Incentivo ao esporte: Comitê Olímpico Brasileiro premia Judô Expedito Falcão

Incentivo ao esporte: Comitê Olímpico Brasileiro premia Judô Expedito Falcão

O técnico Expedito Falcão falou da importância do reconhecimento do COB.

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) concedeu à Associação de Judô Expedito Falcão, de Teresina, o Diploma de Prêmio Brasil Olímpico como forma de agradecimento pelo incentivo da mesma ao esporte do país em 2011, em especial à modalidade judô.

Tudo isso, fruto da brilhante trajetória que vem sendo construída pela judoca piauiense - principal integrante da entidade, ao longo da carreira.

Eleita através do próprio COB como a melhor atleta do ano de 2009 – também como Prêmio Brasil Olímpico, Sarah Menezes disse que o certificado servirá de incentivo para continuar buscando o melhor para o judô do Piauí e do Brasil.

“Isso é muito bom para nossa associação, está começando a ter conhecimento em todos os Estados. Vamos inaugura o nosso Centro de Treinamento e as coisas vão melhorar e vamos ter mais atletas praticando o judô, isso é bem positivo”.

A judoca olímpica do Piauí reconhece que o Prêmio Brasil Olímpico deve ser dividido entre os demais atletas que compõem o time da Associação de Judô Expedito Falcão. “É de todos, é preciso a gente lembrar que tantos outros atletas piauienses já saíram daqui da associação, muitos deles campeões brasileiros e sulamericanos, várias vezes, isso é muito importante”.

O técnico Expedito Falcão, surpreso ao receber o certificado, que é dado a grandes instituições do país, como a Associação Judô Rogério Sampaio (AJRS), de Santos (SP), falou da importância do reconhecimento do COB, uma entidade de respaldo mundial.

“Foi muito legal, nem eu mesmo esperava e foi bem válido como incentivo para o nosso trabalho. É interessante para todos nós que fazemos parte do grupo, estar sendo visto em nível mundial pelo COB que comanda o esporte de rendimento de todas as federações esportivas do Brasil. Este certificado é importante não só pelo ego, mas para documentar o valor do nosso trabalho”.

Entidade intensifica apoio a crianças carentes

A Associação de Judô Expedito Falcão, premiada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), pretende ampliar ainda mais o trabalho desenvolvido no esporte tanto de alto rendimento como no âmbito social. Está prestes a ser inaugurada a nova sede com melhor estrutura para atender cerca de 200 crianças, principalmente, as de escolas públicas que moram na periferia da capital piauiense.

O foco, segundo Expedito, inicialmente, será o social no sentido de contribuir com a formação das crianças, em seguida, a pretensão é descobrir quem tem mais talento para o rendimento. Ela acredita que através desta iniciativa “outras Sarah” poderão surgir no cenário esportivo piauiense.

“Vamos melhorar as atividades, trabalhar com a criançada das escolas públicas, já que o propósito é social e de revelar talentos. Assim oportunizaremos outros garotos a buscarem o mesmo espaço que Sarah conquistou em nível brasileiro e mundial. A pretensão é tornar o projeto mais profissional, a gente quer dar uma alavancada no judô piauiense, então, tem que ser desta forma”, explica Falcão.

Sarah Menezes, principal nome da modalidade no Estado, que, aos 22 anos participará da sua 2ª Olimpíada, aposta na descoberta de valores.

Fonte: Socorro Cruz