Corinthians joga mal e empata  por 1 a 1 com vice-lanterna Atlético-GO no Pacaembu

Corinthians joga mal e empata por 1 a 1 com vice-lanterna Atlético-GO no Pacaembu

Após um primeiro tempo sem gols, os visitantes abriram o marcador aos 10min do segundo tempo.

O Corinthians não conseguiu empolgar os quase 26 mil torcedores que compareceram ao Estádio do Pacaembu na noite desta quarta-feira. Na primeira partida como titular do peruano Guerrero e na estreia do argentino Martínez, a equipe jogou mal e precisou buscar o empate com o vice-lanterna Atlético-GO por 1 a 1, em duelo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Após um primeiro tempo sem gols, os visitantes abriram o marcador aos 10min do segundo tempo. Marcos cobrou falta, o goleiro Cássio saiu mal e o ex-palmeirense Ricardo Bueno aproveitou para cabecear a bola para o fundo das redes. Com o ataque sem convencer, mais uma vez o volante Paulinho apareceu de surpresa na área para empatar o duelo aos 33min.

É o terceiro empate consecutivo do Corinthians no Campeonato Brasileiro. Após ficar no zero contra Bahia e Vasco longe de seus domínios, os comandados de Tite seguem sem se distanciar da parte de baixo da tabela e somam 18 pontos na décima posição. O próximo adversário será o Coritiba, domingo, às 16h (de Brasília), no Couto Pereira.

Já o Atlético-GO permanece em São Paulo para encarar o Santos no mesmo Pacaembu, sábado, às 18h30 (de Brasília). Com o resultado na capital paulista, o clube goiano não consegue escapar da zona de rebaixamento e soma apenas dez pontos em 15 rodadas, acima apenas do último colocado Figueirense.

O jogo

O Atlético-GO começou a partida e surpreendeu com toques rápidos no ataque. Mas o Corinthians aos poucos impôs seu ritmo em um Pacaembu não tão cheio quanto nos outros jogos. Com Guerrero como homem de referência, Romarinho e Jorge Henrique tiveram mais espaço para se movimentar no ataque. E funcionou aos 8min. Douglas fez bom passe e deixou Romarinho na cara do gol para finalizar por cima do gol.

Com um centroavante, a equipe passou a apostar nas bolas aéreas, porém, poucas foram em direção do atleta peruano. Mesmo assim, os donos da casa ameaçaram o gol. Aos 15min, Paulinho cruzou da direita, Jorge Henrique ganhou no alto de dois marcadores e cabeceou ao lado do gol de Márcio com muito perigo.

Com espaço nas costas do lateral Alessandro, o Atlético criou suas jogadas pela ponta esquerda. Aos 26min, Eron recebeu passe na entrada da área e finalizou cruzado rasteiro. A bola passou em frente todos com muito perigo. Dez minutos depois, Wesley cruzou da esquerda para a entrada de área. O lateral Marcos apareceu na área e arrematou de perna esquerda para defesa de Cássio, que espalma para escanteio.

O segundo tempo começou como um pesadelo para o torcedor corintiano no Pacaembu. Aos 10min, Marcos cobrou falta da intermediária, o goleiro Cássio saiu mal e atrasado do gol e o ex-palmeirense Ricardo Bueno não precisou subir muito para desviar para o fundo das redes. O Corinthians também conseguiu balançar as redes dois minutos depois, mas em decisão muito polêmica, o árbitro Anderson Daronco marcou falta de Jorge Henrique no zagueiro Reniê.

Em busca de reverter o resultado, o técnico Tite sacou o lateral Alessandro e promoveu a entrada do argentino Martínez, aos 17min. Mas com um minuto em campo, o árbitro voltou a causar reclamação do estádio a dar cartão amarelo ao camisa 7 em disputa no meio de campo. Com o adversário apático em campo, o time goiano continuou atacando. Aos 24min, Wesley cruzou da direita e Marino finalizou da entrada de área por cima do gol.

Com Douglas, vaiado, substituído por Ramírez, o Corinthians partiu para o abafa e conseguiu o empate no Pacaembu. Aos 33min, Romarinho fez boa jogada pela direita e cruzou para a entrada de área. O volante Paulinho apareceu na área e finalizou sem chance de defesa para o goleiro Márcio. E a virada não aconteceu por defesa do camisa 1 atleticano. Fábio Santos cruzou para a área, Romarinho cabeceou Márcio faz grande defesa ao espalmar para escanteio.

Fonte: Terra