Cristiano Ronaldo faz 2 e Real Madrid bate Bétis no "centenário" do técnico Mourinho

Cristiano Ronaldo faz 2 e Real Madrid bate Bétis no "centenário" do técnico Mourinho

Time alcança décima vitória seguida como visitante, abre vantagem de 13 pontos para o Barça

Apenas um time no Campeonato Espanhol não havia levado gols de Cristiano Ronaldo nesta temporada. Mas ele foi vazado pelo português neste sábado. Duas vezes. O camisa 7 do Real Madrid não teve atuação das mais inspiradas, mas mostrou o faro de gol de sempre e ditou o tom da dura vitória merengue por 3 a 2 sobre o Bétis, em Sevilha. Higuaín fez o outro do Real, enquanto Molina e Montero diminuíram para o time da casa, em partida que marcou o jogo 100 do técnico José Mourinho à frente da equipe da capital espanhola.

Com o resultado, os blancos abrem 13 pontos de vantagem para o Barcelona, que joga no domingo com o Racing, em Santander, na classificação do Campeonato Espanhol. O Real Madrid já tem 70 pontos e continua podendo chegar a 100 pontos na tabela - restam 12 jogos para o fim do campeonato, ou seja, há 36 pontos ainda em disputa. O ataque do time de Mourinho também segue impressionando. Com os três gols deste sábado, já são 88 nesta edição da Liga Espanhola, sendo 32 deles de CR7, artilheiro isolado da competição.

Agora, o Real volta suas atenções para a Liga dos Campeões. Na quarta-feira, a equipe vai enfrentar o CSKA Moscou, em casa, precisando de um empate por zero a zero ou de uma vitória para se classificar para as quartas de final. Pelo Espanhol, o time só joga no domingo contra o Málaga, também no estádio Santiago Bernabéu.

Defesa complica, mas CR7 salva o Real

O Bétis entrou em campo disposto a estragar a festa do centésimo jogo de José Mourinho no Real Madrid. E pelos primeiros minutos de jogo, parecia que ia conseguir. Tocando a bola rápido e sem medo de Cristiano Ronaldo & Cia., a equipe da casa envolveu os merengues e não demorou a tirar o primeiro zero do placar. Aos 10 minutos, Montero lançou Rubén Castro, que entregou para Molina chegar em velocidade e estufar as redes de Casillas.

O tento animou o Bétis, que por pouco não fez o segundo logo em seguida, aos 14, com Castro, de fora da área. Mas o Real Madrid já provou, ao longo deste Espanhol, que sabe bem como se portar depois de sair atrás do placar. O time se reorganizou, acalmou a partida e foi buscar o empate, aos 24 minutos. Özil lançou Higuaín pela esquerda, nas costas da zaga. O atacante argentino avançou e bateu forte para deixar tudo igual - placar que se manteve até o intervalo da partida.

Na etapa final, quem marcou primeiro foi o Real Madrid. E com o seu artilheiro, Cristiano Ronaldo, que fez seu 31º gol no Campeonato Espanhol. Aos seis minutos, ele aproveitou passe de Marcelo, dentro da área, para tocar na saída do arqueiro Fabrício para virar o jogo: 2 a 1. Mas não deu nem tempo de o português festejar o gol.

Três minutos depois, o Bétis empatou com Jefferson Montero, após nova falha da zaga madridista - dessa vez do lateral Arbeloa. Mas quem tem Cristiano Ronaldo nunca pode achar que não vai mais fazer gols. O português não estava em noite muito iluminada, só que quando a fase é boa... Aos 27 da etapa final, Kaká cobrou escanteio e Sergio Ramos cabeceou para Fabricio fazer a defesa. Porém, o rebote ficou exatamente nos pés de CR7, que fuzilou de esquerda e recolocou o Real na frente: 3 a 2.



Fonte: EGO