Cruzeiro bate o Avaí e segue firme no G4

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Cuca encosta ainda mais nos líderes da competiçã

Mesmo jogando no Estádio da Ressacada, o Cruzeiro conseguiu vencer o Avaí, por 2 a 1, neste domingo, em partida válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do clube mineiro foram marcados pelo meia Roger, de pênalti e por Thiago Ribeiro. Laércio descontou para os donos da casa.

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Cuca encosta ainda mais nos líderes da competição, na quarta posição com 37 pontos. Já a equipe catarinense se mantém na 14ª colocação, com 24 pontos e se aproxima cada vez mais da zona de rebaixamento.

O jogo

O Cruzeiro começou com um pouco mais de posse de bola e tentou pressionar o adversário. Porém, o Avaí buscou igualar as ações e o jogo ficou truncado, com os dois times marcando forte.

No momento em que a equipe catarinense parecia que iria crescer na partida, Caio cometeu pênalti infantil em Fabrício, aos 24min. Na cobrança, Roger bateu com categoria para abrir o placar.

Após o gol, os dois times voltaram a marcar muito forte e o duelo seguiu truncado, com muitos erros de passes no meio-campo. Antes de a partida recomeçar, após o intervalo, o técnico do Avaí, Antônio Lopes, se desentendeu com o árbitro e foi expulso.

Já sem treinador, a equipe catarinense começou melhor a segunda etapa e teve a primeira chance de gol com Leandro Bonfim, aos 16min. O meia chutou de fora da área para boa defesa de Fábio.

Mais uma vez o Cruzeiro "aproveitou" a pressão dos donos da casa, para no contra-ataque ampliar sua vantagem. Aos 26min, Thiago Ribeiro recebeu bom passe de Fabrício na esquerda, invadiu a área e chutou cruzado. A bola acertou a trave, bateu nas costas de Renan e entrou.

O Avaí ainda descontou, com Laércio, que entrou durante a segunda etapa no lugar de Eltinho. O jogador recebeu cruzamento de Jeferson da esquerda, dominou na área e concluiu no canto esquerdo de Fábio.

A equipe ainda tentou pressionar o adversário para empatar a partida, mas não obteve sucesso e amargou mais um resultado ruim dentro de casa.

Fonte: Terra, www.terra.com.br