Cruzeiro briga hoje com Chapecoense por vaga na Copa do Brasil

Cruzeiro briga hoje com Chapecoense por vaga na Copa do Brasil

O árbitro da partida será Wilson Luiz Seneme, que será auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Daniel Luis Marques.

Cruzeiro e Chapecoense decidem quem enfrenta o Atlético-PR, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Como o primeiro jogo, semana passada, em Chapecó, terminou empatado por 1 a1, quem vencer se classifica. Empate sem gols dá a vaga ao Cruzeiro. Novo 1 a 1 leva a vaga para a disputa de pênaltis. Igualdade por dois ou mais gols classifica a Chapecoense.

O time mineiro vai para o jogo com três atacantes, mais uma vez. O trio formado por Wallyson, Wellington Paulista e Anselmo Ramon está bem entrosado e preparado para ajudar o sistema defensivo do Cruzeiro na marcação.

Pelo lado catarinense, a ordem é surpreender. Ainda que possa poupar alguns jogadores para a disputa das semifinais do Campeonato Catarinense, contra o Avaí, a Chapecoense sonha em avançar para as oitavas da competição nacional pela primeira vez em sua história.

O árbitro da partida será Wilson Luiz Seneme, que será auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Daniel Luis Marques.

A TV Globo Minas mostra a partida para Minas Gerais (menos Ituiutaba, Juiz de Fora e Uberlândia) e para Chapecó (SC), e o GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os detalhes da partida, em Tempo Real, e com vídeos exclusivos.

AS ESCALAÇÕES

Cruzeiro: O técnico Vágner Mancini vai mandar o time a campo novamente no ofensivo 4-3-3, com Montillo na armação e três atacantes. Provável equipe: Fábio; Marcos, Thiago Carvalho, Victorino e Everton; Leandro Guerreiro, Marcelo Oliveira e Montillo; Wallyson, Anselmo Ramon e Wellington Paulista.

Chapecoense: O técnico Itamar Schulle deve mudar alguns jogadores da primeira partida. Com o meia Athos e o zagueiro Leonardo poupados, a Chapecoense deve ir a campo com: Rodolpho; Fabiano, Souza e Dema; Rafael Mineiro, Diogo Roque, Wanderson, Neném, Eliomar e Esquerdinha; João Paulo (Éber).

QUEM ESTÁ FORA

Cruzeiro: Três jogadores estão no departamento médico do Cruzeiro, todos com contusões musculares. São eles o lateral Diego Renan, o zagueiro Léo e o atacante Walter.

Chapecoense: A Chapecoense não tem nenhum jogador suspenso ou lesionado. O técnico Itamar Schulle e o preparador físico Anderson Paíxão optaram em poupar o meia Athos e o zagueiro Leonardo para a partida contra o Cruzeiro, já que o time disputa no domingo a semifinal do catarinense contra o Avaí.

FIQUE DE OLHO

Cruzeiro: Thiago Carvalho vai fazer sua quarta partida como titular do Cruzeiro, a segunda consecutiva. O zagueiro acredita que uma boa sequência de jogos vai fazer com que sua forma técnica chegue perto da ideal, para assim assumir a titularidade definitivamente.

Chapecoense: Souza, zagueiro e capitão da equipe, fez dois gols no jogo da classificação para a segunda a fase. E no primeiro jogo contra o Cruzeiro marcou o gol na Arena Condá, que garantiu a partida de volta.

O QUE ELS DISSERAM

Anselmo Ramon, atacante do Cruzeiro: "Copa do Brasil é uma competição muito perigosa. Times teoricamente pequenos costumam tirar alguns times grandes e a gente tem que estar ligado nisso aí. A gente sabe como é e não pode vacilar de jeito nenhum".

Anderson Paixão, preparador físico da Chapecoense: "A preparação física foi programada para que os atletas pudessem suportar jogos duas vezes por semana. No entanto nos dois últimos jogos em casa o gramado estava "pesado", devido à chuva da véspera dos jogos".

NÚMEROS E CURIOSIDADES

* A Chapecoense tenta chegar nas oitavas de final da Copa do Brasil pela primeira vez em três participações. Nas outras duas foi eliminado na segunda fase, por Internacional (2008) e Atlético-MG (2010).

* Como mandante, será a primeira partida do Cruzeiro fora de Belo Horizonte, pela Copa do Brasil. Na Arena do Jacaré, o time azul conseguiu 29 vitórias, nove empates e oito derrotas, em 46 jogos.

* Os dois times estão nas semifinais dos seus campeonatos regionais. O Cruzeiro enfrenta o América-MG pelo Mineiro e a Chapecoense encara o Avaí, pelo Catarinense.

* Em 47 jogos como mandante na Copa do Brasil, o Cruzeiro venceu 34 vezes. A Chapecoense, em três partidas como visitante, nunca venceu.

ÚLTIMO CONFRONTO

O último jogo entre Cruzeiro e Chapecoense foi o único na história. Disputado quarta-feira passada, terminou empatado por 1 a 1 em Chapecó. O time catarinense saiu na frente com Souza e os mineiros empataram com Walter.

Fonte: G1