Cruzeiro confirma afastamento de Riascos e já negocia saída

Vasco da Gama é provável destino do atacante

Riascos segue afastado do Cruzeiro. A decisão final sobre o caso foi definida nesta terça-feira (19) após reunião entre os membros da diretoria celeste. O clube mineiro ainda salienta que já negocia os direitos econômicos do atacante.

Vale lembrar que, como defendeu Cruzeiro e Vasco neste ano, o colombiano, segundo as regras da FIFA, poderá se transferir apenas para o clube carioca, o que deixa claro que São Januário será o provável destino do atacante. O desejo de voltar a defender o ex-clube, inclusive, foi um dos catalisadores para a polêmica declaração dada por Riascos após a derrota cruzeirense para o Fluminense, no último domingo.

Na ocasião, o atacante, insatisfeito com as poucas oportunidades dadas por Paulo Bento, escancarou o descontentamento pelo retorno ao Cruzeiro, após ter boa passagem por empréstimo junto ao Vasco. "Não está normal. Não estou feliz com isso que está acontecendo. Tem que encontrar uma solução, porque não pode tirar minha felicidade para jogar essa merda aqui", disse o colombiano à Rádio Itatiaia.

Logo após o desabafo à imprensa, Riascos foi categoricamente afastado pelo diretor de futebol celeste, Thiago Scuro. Na segunda-feira, a situação do atacante, porém, se mantinha indefinida, após o presidente Gilvan de Pinho Tavares afirmar que afastamento do jogador poderia ser revisto. Apesar disso, o clube manteve, nesta terça, a decisão pela saída do colombiano.

Após quatro partidas e nenhum gol marcado em 2015, o colombiano foi emprestado ao Vasco, no qual se destacou. Apesar da reprovação da torcida celeste, Riascos foi reintegrado ao elenco cruzeirense em maio deste ano, mas seguiu colecionando atuações ruins, participando de 11 jogos, com apenas um gol marcado, antes de ser afastado.


Riascos em atuação pelo Cruzeiro (Crédito: Gazeta Press)
Riascos em atuação pelo Cruzeiro (Crédito: Gazeta Press)


Fonte: Com informações da Espn