Cruzeiro vence o Galo no Mineirão e assume vice-liderança do no Campeonato Brasileiro

Jonathan e Guilherme marcaram os gols da vitória por 2 a 0 neste domingo, no Mineirão

O Cruzeiro tornou um pouco mais amargo o ano do centen?rio do Atl?tico-MG. Manteve o bom retrospecto sobre o rival, ao ganhar pela quarta vez em cinco cl?ssicos em 2008, e subiu para a segunda coloca??o do Campeonato Brasileiro, mantendo-se mais vivo do que nunca na briga pelo t?tulo. Jonathan e Guilherme marcaram os gols da vit?ria por 2 a 0 neste domingo, no Mineir?o.

O time celeste soma agora 55 pontos, assim como o Palmeiras, que tem uma vit?ria a menos. O l?der Gr?mio, que ainda joga neste domingo (contra a Portuguesa), tem 56 pontos. O Atl?tico-MG, com 37 pontos, perdeu a chance de se distanciar um pouco mais da zona de rebaixamento. Est? em 12? lugar.

In?cio avassalador do Cruzeiro

Sem Wagner, que come?ou no banco de reservas, o Cruzeiro n?o perdeu tempo estudando o rival e partiu para cima desde o apito inicial. Com 12 minutos, j? havia conclu?do oito vezes a gol - contra nenhuma do Atl?tico. Thiago Ribeiro aproveitava qualquer chance perto da ?rea para soltar uma bomba e chegou a acertar o peito do goleiro Juninho, que n?o conseguiu encaixar a defesa.

Seu companheiro de ataque, Guilherme, mostrou pontaria menos afiada. Teve duas boas oportunidades com quatro minutos de partida, mas pegou muito mal na bola em ambas. Nesse bombardeio inicial, curiosamente a melhor chance veio quase sem querer. Ramires dividiu uma jogada pelo alto e cabeceou para tr?s. A bola encobriu Juninho e tocou no travess?o.

Assustado, o Atl?tico praticamente desistiu de ir ao ataque e se encolheu na defesa. Com isso, resolveu um problema: acabou com um buraco que havia na frente dos zagueiros. O time continuou n?o levando perigo ? defesa advers?ria, mas ao menos conseguiu diminuir as investidas cruzeirenses. O ?nico lance de razo?vel perigo do Atl?tico foi numa cabe?ada de Castillo que passou perto da trave, aos 30 minutos.

O Cruzeiro chegou ao seu gol quando o Atl?tico dava a impress?o de que ag?entaria chegar ao intervalo com o 0 a 0 no placar. E a jogada come?ou com Fernandinho, que at? ent?o n?o conseguia desempenhar bem o papel de Wagner. Ele deu ?timo passe na direita para Jonathan, que invadiu a ?rea e chutou forte e rasteiro, aos 42 minutos.

Galo tenta atacar, mas sem sucesso

O Atl?tico voltou para o segundo tempo com Raphael Aguiar no lugar de Denilson. A substitui??o deixou o time mais ofensivo, mas tamb?m mais vulner?vel, sobretudo pelo lado esquerdo da defesa. Foi por ali que, aos 13 minutos, Thiago Ribeiro recebeu lan?amento e deu ?timo passe na ?rea para Guilherme, que chutou rente ? trave.

Adilson Batista percebeu que precisava de algu?m para explorar mais os espa?os deixados pelo Atl?tico e resolveu p?r Wagner em campo, no lugar de Fernandinho. O meia, que se recuperou recentemente de uma les?o no joelho e outra na coxa, mostrou seu cart?o de visitas. Logo na primeira participa??o, deu ?timo passe para Guilherme, que chutou para defesa de Juninho.

O Cruzeiro passou a chegar com mais perigo ao ataque. Aos 32 minutos, Wagner deixou um advers?rio no ch?o com um drible e chutou forte. Juninho defendeu com seguran?a. O meia ainda teve outra boa oportunidade, aos 38, quando recebeu passe de Ramires, invadiu a ?rea e chutou para fora.

Ramires acertou a trave pela segunda vez no jogo, aos 42 minutos, desta vez com um chute. No rebote, Guilherme isolou. Nos acr?scimos, o goleiro Juninho derrubou Elicarlos, que recebera ?timo passe de Camilo. Guilherme cobrou com paradinha e fez 2 a 0

O Atl?tico n?o levou perigo ao gol de F?bio na segunda etapa e s? conseguiu chegar ? ?rea por meio de jogadas de bola parada. Inferior ao rival no cl?ssico, o time viu aumentar para oito partidas o jejum de vit?ria diante do rival.

Fonte: Globo Esporte