Derrota pode ser fatal para Rogério Lourenço

Derrota pode ser fatal para Rogério Lourenço

Pressão de conselheiros, inclusive ligados à presidência, e a má aceitação do treinador na oposição

Fora de campo a diretoria não confirma, mas são grandes as chances de Rogério Lourenço ser demitido caso o Flamengo seja derrotado pelo Atlético-MG. Isso porque o treinador não é considerado uma unanimidade entre os dirigentes do clube, a começar pela presidente Patrícia Amorim, que sonha com a chegada de Abel Braga. A permanência de Rogério Lourenço foi uma decisão do diretor executivo do departamento de futebol, Zico, que não vê com bons olhos mudanças na comissão técnica.

Porém a pressão de conselheiros, inclusive ligados a Patrícia, e a má aceitação do treinador na oposição podem precipitar a queda. Muitos entendem que Rogério Lourenço tem mexido mau na equipe, como diante do Atlético-PR, quando tirou Leandro Amaral e Val Baiano no intervalo, escalando Vinícius Pacheco e o colombiano Cristian Borja no ataque, o que piorou o rendimento do setor. O próprio treinador reconheceu que não estava em uma tarde inspirada.

"Realmente o Borja e o Vinícius não entraram bem. As mudanças não surtiram efeito, pois a minha ideia era dar mais velocidade e força física ao ataque", analisou. Caso Rogério Lourenço seja demitido o nome a ser procurado será mesmo o de Abel Braga. Outros nomes ventilados são os de Ricardo Gomes e Vanderlei Luxemburgo, treinador do próprio Galo, mas que não vem conseguindo fazer o Atlético subir na tabela de classificação.

Fonte: IG