Dunga aponta Neymar e Lucas como futuro da Seleção

Em entrevista em Mônaco, treinador cita culpados para fracasso na Copa.



Eleito recentemente como uma das lendas do futebol no evento Golden Foot, em Mônaco, Dunga apontou em entrevista à organização do prêmio dois jovens que podem ser os futuros astros da Seleção Brasileira: Neymar, do Santos, e Lucas, do Liverpool, que ficaram fora da África do Sul.

Além do capitão do tetra, Giancarlo Antognoni, Franz Beckenbauer, Hugo Sanchez e Francisco Varallo foram considerados lendas do futebol pelo Golden Foot. O prêmio principal foi dado a Francesco Totti, que venceu uma eleição entre atletas com mais de 28 anos de idade pelo conjunto da obra.

Durante a entrevista à organização do evento, Dunga foi perguntado sobre quem ele acha que poderá brilhar no futuro:

- Eu diria Neymar e Lucas, mas não não são apenas os dois...

O ex-técnico da Seleção também foi questionado sobre o fracasso do Brasil na Copa do Mundo, eliminado nas quartas de final para a Holanda. Dunga citou alguns problemas, mas considerou justo o título da Espanha.

- Tudo era diferente lá. Estava no inverno, havia altitude e a bola era horrível. Mas era o mesmo para todo mundo. O campeão sempre é o melhor time. O campo dá a resposta e temos que aceitar. Espanha é o melhor time depois da Copa. Vamos pensar na próxima!

Ainda sem emprego depois que foi demitido pela CBF para a entrada de Mano Menezes, Dunga foi citado como possível novo treinador da Fiorentina, que vive má fase na Itália sob o comando de Sinisa Mihajlovic, e do Al Hilal, clube da Arábia Saudita que conta com o meia Thiago Neves.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com