Dunga ganha menos do que Carlos Alberto Parreira e o mesmo que Diego Maradona

Entre os 32 treinadores que devem ir à Copa-2010, o mais bem remunerado é o italiano Fabio Capello

O técnico da seleção brasileira de futebol, Dunga, recebe um salário igual ao de Diego Maradona, treinador da Argentina, e inferior ao de Carlos Alberto Parreira, que dirige a África do Sul, publicou nesta quarta-feira o site português "Futebol Finance".

O site fez o levantamento dos salários dos técnicos que dirigem as 32 seleções que vão à Copa do Mundo-2010. O estudo mostra que Dunga, Maradona, Takeshi Okada (Japão) e Ricki Herbert (Nova Zelândia) dividem a 11ª colocação, com rendimento anual de 800 mil euros (aproximadamente R$ 2,06 milhões).

Parreira, que dirigirá a seleção anfitriã do próximo Mundial, aparece um pouco acima na lista. O técnico brasileiro é oitavo mais bem pago, com 1,2 milhão de euros por ano (R$ 3,08 milhões).

Pim Verbeek (Austrália) e Javier Aguirre (México) recebem anualmente a mesma quantia.

Entre os 32 treinadores que devem ir à Copa-2010, o mais bem remunerado é o italiano Fabio Capello. O comandante da seleção inglesa tem como salário 8,8 milhões de euros (R$ 22,6 milhões), mais do que o dobro do segundo colocado, Marcelo Lippi (Itália), que recebe 3 milhões de euros (R$ 7,7 milhões) a cada 12 meses.

Veja o ranking dos salários dos técnicos segundo o "Futebol Finance" (pagamento anual em euros)

1 - Fabio Capello (Inglaterra) - 8,8 milhões

2 - Marcelo Lippi (Itália) - 3 milhões

3 - Joachim Löw (Alemanha) - 2,5 milhões

4 - Bert van Marwijk (Holanda) - 1,8 milhão

5 - Ottmar Hitzfeld (Suíça) - 1,75 milhãoÇ

6 - Vicente del Bosque (Espanha) - 1,5 milhão

7 - Carlos Queiroz (Portugal) - 1,35 milhão

8 - Pim Verbeek (Austrália) - 1,2 milhão

8 - Carlos Alberto Parreira (África do Sul) - 1,2 milhão

8 - Javier Aguirre (México) - 1,2 milhão

11 - Dunga (Brasil) - 800 mil

11 - Diego Maradona (Argentina) - 800 mil

11 - Takeshi Okada (Japão) - 800 mil

11 - Ricki Herbert (Nova Zelândia) - 800 mil

15 - Otto Rehhagel (Grécia) - 750 mil

16 - Paul le Guen (Camarões) - 650 mil

17 - Marcelo Bielsa (Chile) - 575 mil

18 - Raymond Domenech (França) - 560 mil

19 - Vahdi Halilhodzic (Costa do Marfim) - 505 mil

20 - Huh Jung Moo (Coreia do Sul) - 405 mil

21 - Morten Olsen (Dinamarca) - 390 mil

22 - Milovan Rajevac (Gana) - 365 mil

23 - Radomir Antic (Sérvia) - 305 mil

24 - Bob Bradley (Estados Unidos) - 275 mil

25 - Matjaz Kek (Eslovênia) - 245 mil

25 - Gerardo Martino (Paraguai) - 245 mil

25 - Rabah Saadane (Argélia) - 245 mil

28 - Reinaldo Rueda (Honduras) - 240 mil

29 - Vladimir Weiss (Eslováquia) - 215 mil

30 - Oscar Tabárez (Uruguai) - 205 mil

31 - Kim Jong Hun (Coreia do Norte) - 170 mil

32 - Shuaibu Amodu (Nigéria) - 125 mil

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br