Em 12 jogos da Copa, os torcedores enviaram mais de 7 milhões de fotos

Segundo levantamento do SindiTelebrasil, cerca de 611 mil pessoas fizeram 1 milhão de ligações nessas partidas


 Em 12 jogos da Copa, torcedores enviaram 7 milhões de fotos

Os torcedores presentes nos estádios fizeram em torno de 1 milhão de ligações de celular e enviaram mais de 7 milhões de fotos nas 12 primeiras partidas realizadas nas arenas que sediam a Copa do Mundo, segundo balanço divulgado pelo SindiTelebrasil (sindicato das empresas de telefonia). Quase 611 mil pessoas foram a esses jogos.

Embora os serviços de tecnologia tenham funcionado com ressalvas na abertura do Mundial, no dia 12, a associação afirmou, em nota, que ?as redes de telefonia celular e de banda larga móvel instaladas pelas prestadoras nas arenas estrearam bem nos primeiros jogos da Copa do Mundo?.

Reportagem do Estado mostrou que os sinais 3G e 4G eram intermitentes, no Itaquerão, assim como a internet oferecida aos jornalistas, tanto por cabo quanto por Wi-Fi.

O maior número de ligações dessas partidas foi registrado na disputa entre Argentina e Bósnia Herzegovina, realizada no último domingo, no Maracanã (Rio). Os quase 75 mil torcedores ? maior público dos 12 primeiros jogos ? fizeram 154.729 chamadas.

O confronto entre Brasil e Croácia teve o segundo maior número de ligações, com 134.905 chamadas. Já na partida da seleção contra o México, anteontem, o número caiu para 128 mil. O levantamento considera o período de sete horas, com início três horas antes e término duas horas depois do jogo.

De acordo com o sindicato, os torcedores fizeram 7,6 milhões de comunicações de dados nos 12 jogos, incluindo envio de e-mail, imagens e mensagens multimídia. Esse tráfego de dados equivale ao envio das mais de 7 milhões de fotos, com tamanho médio de 0,55 MB (megabyte).

Pico

O tráfego de dados apresentou seu pico um pouco antes do início dos jogos e se manteve em níveis elevados até o início do segundo tempo. Em relação às ligações, o maior volume ocorreu antes das partidas.

Segundo o SindiTelebrasil, nos estádios onde as administradoras autorizaram as prestadoras a instalarem o Wi-Fi gratuito, houve migração de parte do tráfego de voz para aplicativos de mensagens instantâneas. ?A rede do Wi-Fi, nas arenas onde foi instalada, também reforçou a capacidade de transmissão de dados, que trafegavam inicialmente apenas pelas redes de 3G e 4G?, diz o SindiTelebrasil. Os estádios com Wi-Fi gratuito são Arena Fonte Nova (Salvador), Arena Pantanal (Cuiabá), Arena Amazônia (Manaus), Estádio Nacional (Brasília), Estádio Beira-Rio (Porto Alegre), e Maracanã (Rio).

As operadoras de telefonia instalaram 4.738 antenas nas arenas. As empresas fizeram parceria para a instalação da infraestrutura de telefonia móvel e banda larga, com investimentos de R$ 226 milhões. Além do valor gasto na cobertura dos estádios, as empresas investiram mais R$ 1,3 bilhão nas cidades que sediam os jogos.

(Visited 19 time, 19 visit today)

Fonte: Estadão, www.estadao.com.br