Em estreia de Ronaldinho Gaúcho, coadjuvante Wanderley decide de novo e Flamengo vence: 1 a 0

Em estreia de Ronaldinho Gaúcho, coadjuvante Wanderley decide de novo e Flamengo vence: 1 a 0

Ronaldinho faz sua estreia pelo Fla contra o Nova Iguaçu

Ronaldinho tentou, se esforçou, mas não passou em branco em sua estreia com a camisa do Flamengo. O astro, no entanto, viu o coadjuvante Wanderley brilhar novamente de ar a vitória do time rubro-negro. Nesta quarta-feira, o Engenhão, com boa presença de torcedores, viu o Flamengo derrotar o Nova Iguaçu por 1 a 0, com gol nos instantes finais. Com o resultado, a equipe da capital segue líder do Grupo A da Taça Guanabara, com cinco vitórias em cinco partidas.

Ao entrar em campo, Ronaldinho viu um belo mosaico formado pelos torcedores com os dizeres "Bem-Vindo R10". Se a recepção foi boa, a resposta do astro foi satisfatória. O meia-atacante, que permaneceu em campo até o fim do jogo, desarmou, lançou, tabelou de letra, reclamou e foi o homem da bola parada do time. O atleta levou mais perigo neste fundamento, acertando perigosos chutes de longe.

O primeiro jogo de Ronaldinho fez com que Vanderlei Luxemburgo alterasse a equipe que venceu as quatro partidas anteriores no Estadual. O lateral esquerdo Egídio deu lugar a Renato Abreu, o que fez com que os volantes saíssem menos para o jogo. Ronaldinho atuou aberto pela esquerda, criando jogadas com Abreu. Pela direita, Vander e Léo Moura tiveram função parecida, enquanto Thiago Neves ficou pelo meio.

O time do Flamengo entrou no gramado puxado por Léo Moura, capitão do time nas partidas iniciais da temporada. O último a subir foi o astro da noite, Ronaldinho, que veio a campo animado, saltando e se aquecendo com intensidade. Antes do cara e coroa pelo lado do campo em que os times começaram o jogo, Léo Moura passou a braçadeira ao astro.

Fonte: Terra, www.terra.com.br