EUA, Canadá e Cuba definem equipes que vão enfrentar o Brasil no desafio Pan-Americano de judô

Com atletas de alto porte e nível altíssimo, a disputa será nos dias 20 e 21 de outubro, em Belo Horizonte.

As equipes de Cuba, Estados Unidos e Canadá decidiram nesta quarta-feira, as atletas que disputarão o desafio Pan-Americano de judô contra o Brasil. Com atletas de alto porte e nível altíssimo, a disputa será nos dias 20 e 21 de outubro, em Belo Horizonte.

Cuba será o país com a maior delegação no evento, com oito atletas (cinco titulares e três reservas). Os destaques da equipe são as judocas Onix Cortes Aldama (70kg), que conquistou medalha de bronze no Mundial de Chelyabinsk, em agosto, e Aliuska Ojeda (57kg), bronze no Pan-Americano deste ano, em Guayaquil. Completam o time Anyelo Gomez (66kg), Jorge Martinez (81kg), Alex Garcia Mendoza (+90kg), Yoandry Hernandez (+90kg), Anailiz Hernandez (57kg) e Olga Masferrer Ramirez (70kg). A comissão técnica é composta pelos técnicos Justo Noda e Ronaldo Veitia.

Os EUA também também terão duas mulheres como principais nomes da equipe: Hana Carmichael (57kg), prata no Grand Prix de Tashkent em 2013 e nos Abertos Pan-Americanos de Santiago e Miami este ano, e Janine Nakao (70kg), prata nos Abertos Pan-americanos de Montevidéu e San Salvador no ano passado. O time contará ainda com Spencer Augustine (66kg), Robert Lee  (81kg) e Peter Stanley (+90kg). O técnico será Justin Mario Flores.

O Canadá optou por uma equipe mais jovem, que busca ganhar experiência com o desafio. Os destaques dois atletas de apenas 19 anos, mas com importantes resultados no cenário internacional: Marc Deschênes, ouro no Aberto Pan-americanos de Santiago e bronze no de Miami deste ano, e Zachary Burt, bronze nos Abertos Pan-americanos de Santiago e San Salvador deste ano. Os outros integrantes da equipe são Simon Gaudreault (66kg), Philippe Desjardins (66kg), Ignacio Rodriguez (+90kg), Mackenzie Burt (57kg) e Alix Renaud-Roy (70kg). No comando, o brasileiro Sérgio Pessoa, primeiro judoca do país a conquistar a antiga Copa Jigoro Kano (atual Grand Slam de Tóquio), uma das competições mais tradicionais calendário mundial.

O Brasil também divulgou na semana passada o seu time para o desafio, que terá Charles Chibana (66kg), Emanoel de Oliveira (66kg), Rafaela Silva (57kg), Vinícius Panini (81kg), Gustavo Assis (81kg), Bárbara Timo (70kg) e David Moura (+90kg).

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Globo Esporte