Ex-goleiro do Corinthians é preso por atropelar e matar jovem de 22 anos no Chile

Herrera foi detido de imediato e levado pela polícia local para fazer um interrogatório

O ex-goleiro do Corinthians, Johnny Herrera, e atualmente no Audax Italiano, foi preso neste domingo, em Santiago, no Chile, por atropelar e matar uma jovem de 22 anos. O acidente ocorreu no fim da madrugada deste domingo, por volta das 5h30m, e a mulher, Macarena Constanza, faleceu praticamente na mesma hora após ser arrastada por cerca de 300 metros em um cruzamento.

Herrera foi detido de imediato e levado pela polícia local para fazer um interrogatório. Ele está sendo investigado se teria ingerido álcool e dirigia acima da velocidade permitida na via.

O jogador defendeu o Corinthians no início de 2006, e acumulou também passagens pela seleção chilena, Universidad do Chile e Everton.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com