Flamengo bate Atlético-PR por 1 a 0 e avança na Sul-Americana

Flamengo bate Atlético-PR por 1 a 0 e avança na Sul-Americana

Assim como na partida de ida, Ronaldinho saiu do banco e marcou o gol da vitória do Flamengo

Assim como na partida de ida, Ronaldinho saiu do banco e marcou o gol da vitória do Flamengo sobre o Atlético-PR por 1 a 0. Com o resultado desta quarta-feira, o time carioca, além de avançar às oitavas de final da Copa Sul-Americana, conquistou sua primeira vitória na Arena da Baixada em sua história. Na próxima fase do torneio continental, O Flamengo enfrentará Nacional-URU ou Universidad do Chile.

O duelo foi movimentado durante a maior parte do tempo e, assim, as duas equipes tiveram chances de marcar. Porém, contando com muitos reservas, os clubes pecavam na definição das jogadas.

Então, Luxemburgo colocou Ronaldinho em campo na segunda etapa e, assim como na primeira partida, o meia anotou o gol que quebrou o jejum da equipe carioca de três jogos sem vencer. O último triunfo do Flamengo havia sido justamente contra o Atlético-PR pela duelo de ida da Sul-Americana.

Os time voltam a campo no próximo final de semana, quando ambos farão clássico pelo Campeonato Brasileiro. O Atlético-PR enfrentará o Coritiba, no sábado, no Couto Pereira. No dia seguinte, o Flamengo duelará com o Vasco, no Engenhão.

O jogo

Pensando nos clássicos que terão na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, os dois times vieram a campo bastante desfigurados, principalmente o Atlético-PR que veio com uma equipe inteira reserva. Buscando aproveitar a oportunidade, os jogadores mostraram disposição já desde o início do duelo.

Apesar da vontade, a falta de entrosamento era nítida e tanto o Atlético-PR quanto o Flamengo tinham dificuldade na armação de jogadas. Com os dois times errando muitos passes, as chances de gol eram raras. Aos 15min, Branquinho arriscou de fora da área e Felipe defendeu com tranquilidade.

Precisando da vitória, a equipe paranaense passou a tomar a iniciativa e se lançou ao campo de ataque. Com o tempo, o ritmo do time mandante aumentou o seu ritmo. Aos 23min, Fransérgio dominou na área, mas furou no momento da finalização. Um minuto depois, Branquinho, que era o jogador mais perigoso do Atlético-PR na partida, finalizou no canto direito e Felipe espalmou pela linha de fundo.

O Flamengo também chegava ao campo de ataque, mas não de forma tão incisiva quanto o adversário. Nos minutos finais do primeiro, a equipe carioca passou a ter mais posse de bola e quase marcou aos 41min. Após cobrança de escanteio, Santos saiu mal do gol e Jael cabeceou perto da trave esquerda. Assim, o duelo foi para o intervalo com o placar zerado.

Para o segundo tempo, cada treinador fez uma alteração em sua equipe. Vander Lei Luxemburgo colocou Willians na vaga de Galhardo e Renato Gaúcho lançou Héracles na vaga de Robston.

O duelo movimentado da etapa inicial se manteve e logo aos 2min, Jael perdeu uma chance incrível. Renato cruzou na área e o atacante, livre e de frente para o alvo, cabeceou para fora.Três minutos depois, a equipe da casa respondeu: após bom passe de Marcelo Oliveira, Branquinho chutou no alto e Felipe espalmou por cima do gol.

Com a persistência do zero no placar, os dois técnicos voltaram a mexer. Enquanto Luxemburgo colocou Ronaldinho no lugar de Jael. Renato Gaúcho trocou Renan por Madson - antes Rodriguinho havia substituído Adaílton, no Atlético-PR.

A partida seguiu aberta e as duas equipes tinham chances de marcar. E aos 28min, Ronaldinho - que tinha entrado há pouco menos de 15 minutos - definiu a vitória. Após cobrança de escanteio, Renato escorou de cabeça e o meia-atacante, convocado pela Seleção Brasileira para o amistoso contra Gana, completou na segunda trave, abrindo o placar.

Após o gol, os dois times seguiram criando chances de movimentar o placar, mas o marcador seguiu inalterado até o apito final.

Fonte: Terra