Flamengo começa a semana com quatro reforços na mira

Flamengo começa a semana com quatro reforços na mira

Neste penúltimo dia de maio, o vice de finanças, Michel Levy, e o procurador-geral, Rafael de Piro, retornam de Portugal

Airton, André, Alex Silva, Juan. Nomes que o torcedor do Flamengo lê e ouve quase todos os dias. Jogadores que interessam ao clube e estão cotados como reforços para o segundo semestre. Na semana que se inicia, podem ficar mais perto ou bem distantes do Rubro-Negro. Após o empate por 3 a 3 com o Bahia, pela segunda rodada do Brasileirão, o grupo ganhou a segunda-feira de folga, mas o técnico Vanderlei Luxemburgo e dirigentes do departamento de futebol devem ter um dia longo por conta dos negócios.

Neste penúltimo dia de maio, o vice de finanças, Michel Levy, e o procurador-geral, Rafael de Piro, retornam de Portugal. Na bagagem, trazem o valor da pedida do Benfica para emprestar o volante Airton por um ano. Segundo a imprensa daquele país, o clube português quer R$ 1,1 milhão, e o Flamengo pagaria o salário do jogador de forma integral. O negócio é tratado como quase certo. Aos 21 anos, Airton é reserva e disputou só 15 partidas na última temporada, sendo sete como titular. Apesar de ter propostas de equipes pequenas da Europa, ele se interessa pela volta ao Rio. Na Gávea, conquistou o hexacampeonato em 2009.

Quem chegou ao Brasil foi André. No último sábado, o atacante, ex-Santos, desembarcou na capital carioca para passar férias. Ele vai a Cabo Frio, na Região dos Lagos, sua cidade natal. Aos 20 anos, tem contrato com Dínamo de Kiev, da Ucrânia, até agosto de 2015. Entre ele e o Flamengo, tudo certo. As bases salariais foram definidas. Na semana passada, o empresário de André, Jean Neto, teve um encontro com Luxemburgo, o diretor de futebol Luiz Augusto Veloso e o gerente Isaías Tinoco. O negócio, no entanto, é considerado complexo. Há um ano, o Dínamo pagou ? 8 milhões (R$ 18,2 milhões) por André e não pretende receber menos para vendê-lo. Um empréstimo está descartado.

De saída do São Paulo, Alex Silva entrou em pauta. O zagueiro tem vínculo com o Hamburgo, da Alemanha, que detém 50% dos seus direitos econômicos. O contrato de empréstimo com o Tricolor Paulista termina no fim de julho e não será renovado. Em dificuldades financeiras, o clube alemão pretende negociar o jogador. O empresário Juan Figer, através do Iraty, é dono dos 50% restantes. O clube paranaense é administrado por Sérgio Malucelli, amigo de Luxa. O Flamengo tem concorrência. Segundo a imprensa de Portugal, o Sporting se interessa pelo jogador.

Alex não é a primeira opção rubro-negra para a zaga. Juan, do Roma, é o grande sonho, mas tem contrato até 2013. Na viagem a Portugal, Levy e De Piro pretendiam ir à Itália para conversar com o defensor, mas ele foi aos Estados Unidos passar férias com a família. O encontro foi apenas adiado, já que Juan chegará ao Rio nesta semana. Os dirigentes querem ouvir os planos do jogador.

Para o segundo semestre, o Flamengo contratou o zagueiro Gustavo, ex-Boavista, e o lateral-esquerdo Junior Cesar, que estava no São Paulo.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com