Flamengo leva virada contra Potosí e sai em desvantagem; 2 a 1

Flamengo leva virada contra Potosí e sai em desvantagem; 2 a 1

Com o resultado, os comandados de Vanderlei Luxemburgo precisam de uma vitória por 1 a 0

O Flamengo sofreu um tropeço inesperado em sua busca por uma vaga para a fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2012. Nesta quarta-feira, em partida no Estádio Victor Agustín Ugarte, em Potosí (BOL), o time rubro-negro foi derrotado pelo Real Potosí por 2 a 1, sofrendo a virada após abrir vantagem no primeiro tempo.

Com o resultado, os comandados de Vanderlei Luxemburgo precisam de uma vitória por 1 a 0 ou por dois ou mais gols para passarem para o Grupo 2, onde encontrariam Olimpia (PAR), Emelec (EQU) e Lanús (ARG). Aos bolivianos, interessam vitórias, empates até mesmo derrotas por um gol a partir de 3 a 2 no Estádio do Engenhão. O confronto acontece dia 1º.

Em um jogo de começo morno na Bolívia, o Flamengo só conseguiu fazer 1 a 0 graças a uma bela jogada individual de Léo Moura aos 28min do primeiro tempo: o lateral invadiu a área pela direita, deu dois cortes no mesmo marcador e rolou na pequena área para Luís Felipe, que teve somente o trabalho de escorar para o gol.

Mas não demorou para que o Real Potosí fizesse a alegria de sua torcida, empatando o jogo aos 31min. Após falta levantada na área pela direita, a zaga rubro-negra subiu mal, e Claudio Centurión subiu para desviar de cabeça, fazendo 1 a 1.

A fragilidade na defesa rubro-negra acabou explorada pelos bolivianos mais uma vez no segundo tempo, em lance que resultou na virada dos anfitriões. Aos 12min, Rosauro Rivero levantou a bola pela esquerda com categoria; David Braz não conseguiu cortar, e a bola sobrou na pequena área para Edgardo Brittes, que cabeceou sem precisar sair do chão.

O Flamengo ainda mostrou maior controle de bola e poder de criação de jogadas, em especial com Ronaldinho. No entanto, foi o Potosí quem ameaçou aos 28min, em chute de Edgardo Brittes que Felipe precisou se esticar para defender. Aos 38min, Mario Ovando também tentou, com força, mas sem direção.

Ronaldinho teve nova chance de empatar aos 39min, mas recebeu a bola na área e demorou demais para bater, sendo desarmado. Abatido, o Flamengo pressionou, mas não conseguiu reagir e sofreu sua primeira derrota em 2012 - ganhou de Londrina (amistoso) e Bonsucesso (Campeonato Carioca) e empatou com o Corinthians (amistoso).

Fonte: Terra