Fluminense vence o Palmeiras por 3 a 0 e é 14º colocado com 34 pontos no Brasileirão

A equipe alviverde, por sua vez, estaciona nos 55 pontos, na quinta colocação

Fluminense e Palmeiras se enfrentaram no Maracan?, pela 31? rodada do Campeonato Brasileiro, para brigar por interesses distintos na competi??o. Brigando para se afastar da zona de rebaixamento, a equipe tricolor derrotou o time paulista, que almeja o t?tulo da competi??o, por 3 a 0.

Na pr?xima rodada, o Palmeiras recebe o Goi?s, no Est?dio Palestra It?lia, ?s 20h30 (de Bras?lia) da pr?xima quarta-feira. Um dia depois, em Florian?polis, a forma??o carioca encara o Figueirense, a partir de 20h30, no Est?dio Orlando Scarpelli.

O jogo

O come?o do jogo dava a impress?o de que as duas equipes travariam um confronto equilibrado. N?o foi exatamente o que aconteceu. Com tr?s jogadores suspensos - Diego Souza, Roque J?nior e L?o Lima - e o lateral-direito ?lder Granja machucado, a equipe alviverde foi facilmente superada.

Ap?s cobran?a de falta de Carlinhos, pelo lado esquerdo, o atacante Washington amea?ou desviar a bola com a m?o, enganando o goleiro Marcos, que viu a bola estufar as redes ainda aos 14min do primeiro tempo: 1 a 0.

Aos 37min, o Fluminense teve escanteio a seu a favor e ampliou a vantagem no Maracan?. Everton Santos recebeu no bico da ?rea e chutou cruzado. Martinez tentou afastar, a bola tocou em Maur?cio e entrou.

Perdido em campo, o Palmeiras fez a primeira substitui??o da partida. Martinez, que atuava como terceiro zagueiro, deu lugar ao meia-atacante Den?lson, logo ap?s sofrer o segundo gol.

Na base de contragolpes, cinco minutos depois, a equipe carioca fez uma linda triangula??o que resultou no terceiro gol. Conca enfiou na medida para J?nior C?sar, que bateu cruzado, sem chances de defesa para Marcos.

No retorno do intervalo, Luxemburgo mexeu novamente no Palmeiras. O lateral-direito Fabinho Capixaba entrou no lugar do volante Jumar. Assim, o at? ent?o improvisado ala Sandro Silva foi deslocado para o meio-campo, um pouco mais avan?ado que Pierre.

A partir da?, o domin?o de bola alviverde deu o tom da partida. Com tr?s gols de vantagem no placar, o Fluminense passou a se arriscar cada vez menos, mantendo-se na maior parte da segunda etapa atr?s da linha do meio-de-campo.

O Palmeiras, entretanto, n?o deixou de sentir a aus?ncia de Diego Souza e n?o converteu o dom?nio da posse de bola em jogadas de criatividade. Assim, o apito final do brasiliense S?rgio da Silva Carvalho sacramentou a vit?ria do time tricolor no Rio de Janeiro.

Fonte: Terra, www.terra.com.br