Goleado, técnico Felipão assume vergonha

Goleado, técnico Felipão assume vergonha

Treinador afirma time não merece paciencia da torcida palmeirense

Luiz Felipe Scolari é conhecido por passar grande energia aos seus comandados, porém deixou o estádio do Pacaembu desnorteado nesta quinta-feira (26) após a derrota para o Atlético-GO por 3 a 0. Acostumado a grandes conquistas na carreira, o técnico lamentou uma atuação inexplicável do Palmeiras, no dia do aniversário de fundação, para um dos piores do Brasileirão.

- A gente se sente envergonhado, não só eu como, tenho certeza, todos os jogadores. Foi um dos dias que a gente não espera, queríamos dar ao Palmeiras uma vitória. Nos últimos cinco ou dez anos, foi a pior partida de um time que trabalhei.

Na visão de Scolari, o Palmeiras levou um banho de bola do Atlético-GO no Pacaembu. O técnico, aliás, estranhou a presença do adversário desta quinta-feira na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Sem apelar a desculpas por desfalques como Kleber, Marcos Assunção e Márcio Araújo, Felipão quer ser tratado com o mesmo critério dos atletas. Ao final da partida, alguns palmeirenses chegaram a soltar gritos de mercenário contra o time. O treinador segue ileso das críticas.

- Não pode mudar a paciência dos torcedores por eu ser o treinador. Hoje perdemos com o Felipe como técnico. Eles devem estar chateados comigo. Se fosse o Juquinha, seria a mesma coisa. A paciência deles comigo pode estar esgotada faz 15 dias. Não posso perder 20 seguidas por ter um bom histórico.

Fonte: R7, www.r7.com