Grêmio leva um susto, mas vence Pelotas por 3 a 1 fora de casa

Grêmio leva um susto, mas vence Pelotas por 3 a 1 fora de casa

Com o resultado, o Grêmio empata com o Cruzeiro-RS na vice-liderança do Grupo 2

Após abrir o placar e ceder o empate logo em seguida, o Grêmio se recuperou e venceu o Pelotas por 3 a 1, neste domingo, fora de casa, pelo Campeonato Gaúcho.Todos os gols saíram na segunda etapa, com Willian Magrão, Rodolfo e Rafael Marques marcando pelo time tricolor, enquanto Sandro descontou.

Com o resultado, o Grêmio empata com o Cruzeiro-RS na vice-liderança do Grupo 2, com nove pontos, mas com saldo de gols menor. Já o Pelotas segue com cinco pontos, na quinta posição, fora da zona de classificação à próxima fase.

Na quarta-feira, o time gremista vai a Caxias do Sul para enfrentar o Juventude, em jogo da primeira rodada, atrasado. Já o Pelotas viaja a Santa Maria para enfrentar o Inter de Santa Maria, no sábado.

O jogo

Poupando apenas dois titulares, o Grêmio entrou em campo com o que tinha de melhor. Faltou só estar "a 100km/h", como o técnico Renato Gaúcho exigiu após a goleada contra o Inter-SM. Em um início de partida morno, foi o Pelotas que assustou primeiro, aos três minutos, em arrancada de Makelele. Por sinal, o volante ex-Palmeiras e Grêmio seria o nome da primeira etapa para o Pelotas.

Na metade inicial do primeiro tempo, o jogo estava truncado. Sem Fábio Rochemback, recaía sobre Douglas a responsabilidade de armar as jogadas ofensivas. Mas o meia demorou a acertar, a entrar no jogo. Com isso, o Grêmio utilizava Gabriel, pela direita, como escape, mas o lateral recebia forte marcação, e o Pelotas era melhor. Makelele errou por pouco da meia-lua aos 24min, e depois pelo lado aos 25min. Aos 34min, Clodoaldo perdeu boa chance na frente de Marcelo Grohe.

Nos últimos quinze minutos, após sofrer certa pressão do Pelotas, o Grêmio voltou ao campo de ataque. Douglas, já melhor em campo, arrancou e arrumou um escanteio. Depois, serviu Lúcio, parado com falta. Em jogada ensaiada, Rodolfo quase marcou de cabeça. Depois, aos 40min, Escudero recebeu cruzamento de Lúcio e quase marcou. Dionatan defendeu a cabeçada do argentino no contrapé, mostrando elasticidade, na última jogada de perigo do primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Renato Gaúcho promoveu a entrada de Leandro no lugar de Escudero. O argentino saiu de campo fazendo tratamento com gelo no tornozelo direito. E o segundo tempo já começou, aí sim em alta velocidade. Logo aos 8min, Leandro cavou falta. No rebote da cobrança, Rodolfo achou Willian Magrão livre, e o volante abriu o placar para o Grêmio. Só que um minuto depois, Sandro Sotilli recebeu entre os zagueiros tricolores e desviou na saída de Marcelo Grohe para empatar.

Com os gols, a partida ganhou em emoção. As duas equipes se soltaram mais, atrás da vantagem no placar. O Grêmio agredia mais com Leandro do que com Escudero, e o menino foi o responsável por diversas jogadas de ataque. Serviu Borges em jogada que o centroavante empurrou para as redes, mas impedido. Depois, driblou João Rodrigo e arrumou um escanteio para o time tricolor. Na cobrança de Douglas, Rodolfo subiu e passou a frente no placar outra vez aos 29min.

A vantagem não deixou Renato Gaúcho satisfeito. Com dois atacantes de velocidade aberto, o Grêmio pressionou para tentar ampliar o placar. O Pelotas tinha apenas o contra-ataque como alternativa, já que a marcação gremista no campo de ataque complicava a saída de bola. Em arrancada de João Paulo, quase marcou aos 39min. Mas com o domínio das ações, o time visitante administrou sua vantagem e garantiu os três pontos. No final, Rafael Marques aproveitou cruzamento de Lúcio e garantiu a vitória.

Pelotas 1 x 3 Grêmio

Gols

Pelotas:

Sandro, aos 9min do segundo tempo

Grêmio:

Willian Magrão, aos 8min do segundo tempo; Rodolfo, aos 28min do segundo tempo; Rafael Marques, aos 44min do segundo tempo

Pelotas: Dionatan; Eduardo Ere, Jonas, Júnior Paulista e João; Wanders (Cleber), Gavião, Alan (João Paulo) e Makelele (Marcio Tinga); Clodoaldo e Sandro. Técnico: Armando Desessards

Grêmio: Marcelo Grohe; Gabriel, Rafael Marques, Rodolfo e Bruno Collaço; Willian Magrão (Vinícius Pacheco), Adilson, Lúcio e Douglas; Borges (Fernando) e Escudero (Leandro). Técnico: Renato Gaúcho

Cartões amarelos

Pelotas: Eduardo Ere; Wanders

Grêmio: Adilson; Escudero; Willian Magrão

Árbitro

Leandro Vuaden

Local

Estádio Boca do Lobo, em Pelotas (RS)

Fonte: Terra, www.terra.com.br