Grosjean desbanca Vettel e fica com melhor tempo dos testes de Mugello

Brasileiros andaram na quarta. Na classificação geral, Massa ficou com o 8º e Senna com o 23º tempo. Alonso foi o único a bater, na manhã desta quinta

O bom momento de Romain Grosjean e da Lotus foi confirmado nos testes da Formula 1, que reuniu um total de trinta mil torcedores de 1º a 3 de maio em Mugello, Itália. O suíço naturalizado francês, que havia subido ao pódio pela primeira vez na carreira no GP do Bahrein no fim do mês passado, foi o nome dos últimos testes da temporada. O piloto já havia sido o mais rápido na quarta-feira, segundo dia de treinos, com o tempo de 1m21s603. Nesta quinta, último dia de atividades, ele melhorou a marca (1m21s334) na sessão da manhã, mas foi superado por Sebastian Vettel, da RBR (1m21s267). Na parte da tarde, Grosjean deu o troco, baixou ainda mais o tempo e fechou a passagem da F-1 pelo circuito italiano como o mais rápido da semana: 1m21s035.


Grosjean desbanca Vettel e fica com melhor tempo dos testes de Mugello

Mais veloz da manhã, o bicampeão Vettel não melhorou a marca e ficou com o segundo tempo da atividade, 0s232 atrás do piloto da Lotus. Depois de ter saído da pista e quebrado o bico da Ferrari no treino matinal, o também bicampeão Fernando Alonso foi outro que não conseguiu baixar a marca e ficou com a terceira melhor volta dos testes.

Felipe Massa e Bruno Senna não estavam programados para ir à pista nesta quinta. Os dois participaram do segundo dia de testes, na quarta, quando o piloto da Ferrari foi o quinto mais rápido, enquanto o brasileiro da Williams ficou com o pior tempo do dia. Na tabela de tempos geral dos três dias de atividade, Massa ficou com o oitavo melhor tempo e Bruno foi apenas o 23º.

A Ferrari - que havia prometido um carro praticamente novo após o desempenho abaixo da expectativa no início da temporada - apresentou apenas algumas novidades nos testes em frente aos ?tifosi? (como são conhecidos os torcedores da escuderia) no circuito de propriedade sua. Na coletiva de quarta, o brasileiro foi direto para explicar a razão: ?Não deu tempo?. Segundo Alonso, a equipe trabalha para que as atualizações fiquem prontas para o GP da Espanha, próxima etapa da temporada, dos dias 11 a 13 de maio. Com poucas inovações, a Ferrari designou Alonso para experimentar as novas peças (escapameno e lateral), enquanto Massa guiou um equipamento muito parecido com o que utilizou no Bahrein, para comparar os rendimentos dos carros.

Confira os tempos desta quinta-feira, terceiro dia de testes em Mugello:

1 - Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) 1m21s035 (66 voltas)

2 - Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) 1m21s267 + 0s232 (106)

3 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) 1m21s363 + 0s328 (98)

4 - Daniel Ricciardo (AUS/STR-Ferrari) 1m21s604 + 0s569 (117)

5 - Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari) 1m22s229 + 1s194 (118)

6 ? Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes) 1m22s325 + 1s290 (55)

7 - Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) 1m22s497 + 1s462 (63)

8 - Nico Rosberg (ALE/Mercedes) 1m22s579 + 1s544 (129)

9 - Oliver Turvey (ING/McLaren-Mercedes) 1m22s662 + 1s627 (99)

10 - Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) 1m23s002 + 1s967 (34)

11 - Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault) 1m23s169 + 2s134 (139)

12 ? Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth) 1m23s466 + 2s431 (110)

Relembre como foram os três dias de treinos em Mugello

Os treinos no circuito italiano foram uma das novidades da temporada 2012 da F-1. A atividade durou três dias, começou na terça-feira, 1º de maio e terminou nesta quinta. Em um período de restrição de testes, as equipes entraram num acordo com a FIA e abriram mão de três dias de pré-temporada para poder usá-los durante o ano, em Mugello. Algumas equipes aproveitaram o primeiro dia para utilizar os pilotos reservas. A McLaren foi a única que não levou os titulares: Jenson Button e Lewis Hamilton ficaram de fora. Já a HRT optou por não participar para se concentrar na mudança de sede da escuderia.

1º dia: Chuva forte espanta pilotos e melhor tempo fica com Alonso

A chuva que caiu tímida durante a sessão da manhã do primeiro dia de testes, voltou com força na parte da tarde e atrapalhou a vida de pilotos e equipes que buscavam testar as novidades para implementadas nos carros. Com isso, o melhor tempo do dia ficou com Alonso, obtido na parte da manhã: 1min22s444. Se a chuva espantou os pilotos da pista, o mesmo não se pôde dizer da torcida das arquibancadas. Os cerca de 15 mil torcedores que compareceram em peso a Mugello (melhor público dos três dias) encararam o tempo ruim e lamentaram os poucos carros na pista. Os "tifosi" (como são conhecidos os torcedores da Ferrari) vibraram quando o heptacampeão Michael Schumacher saiu dos boxes, recebendo com palmas o piloto que conquistou cinco títulos pela escuderia italiana (os outros dois foram pela Benetton).


Grosjean desbanca Vettel e fica com melhor tempo dos testes de Mugello

2º dia: Em dia de brasileiros na pista, Kobayashi e Grosjean são os mais rápidos

Quarta-feira foi o dia em que Felipe Massa e Bruno Senna entraram em ação. O brasileiro da Ferrari correu com um modelo muito semelhante ao utilizado no Bahrein no fim de abril para comparar a performance com o carro do companheiro Alonso, que recebeu as poucas novidades levadas pela Ferrari para os testes. A equipe utilizou o flow vis, tinta que indica o fluxo de ar no carro de Massa, que fechou a atividade em quinto (1m22s257). Bruno ficou com o pior tempo do dia (1m24s842), mas ressaltou que a Williams se preocupou em testar novas peças e não em fazer voltas rápidas. Os mais rápidos do dia foram Grosjean, da Lotus, e Kobayashi, da Sauber, ambos com 1m21s603.


Grosjean desbanca Vettel e fica com melhor tempo dos testes de Mugello

3º dia: Vettel faz melhor tempo de manhã, mas leva troco de Grosjean à tarde

Na sessão da manhã, os dois bicampeões da F-1 chamaram a atenção por motivos diferentes. Enquanto Sebastian Vettel foi o mais rápido da atividade matinal (1m21s267), Fernando Alonso perdeu o controle do carro na curva 12, saiu da pista e quebrou o bico da Ferrari. Na parte da tarde, Grosjean desbancou o piloto da RBR, anotou o tempo de 1m21s035 e fechou como o mais rápido da semana de Mugello.


Grosjean desbanca Vettel e fica com melhor tempo dos testes de Mugello

Confira os melhores tempos dos três dias de testes em Mugello:

1 - Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) 1m21s035 (Quinta-feira)

2 - Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) 1m21s267 (Quinta)

3 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) 1m21s363 (Quinta)

4 - Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) 1m21s603 (Quarta)

5 - Daniel Ricciardo (AUS/STR-Ferrari) 1m21s604 (Quinta)

6 - Mark Webber (AUS/RBR-Renault) 1m21s997 (Quarta)

7 - Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari) 1m22s229 (Quinta)

8 - Felipe Massa (BRA/Ferrari) 1m22s257 (Quarta)

9 - Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes) 1m22s325 (Quinta)

10 - Jean-Eric Vergne (FRA/STR-Ferrari) 1m22s422 (Quarta

11 - Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) 1m22s497 (Quinta)

12 - Nico Rosberg (ALE/Mercedes) 1m22s579 (Quinta)

13 - Oliver Turvey (ING/McLaren-Mercedes) 1m22s662 (Quinta)

14 - Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) 1m23s071 (Quinta)

15 - Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault) 1m23s169 (Quinta)

16 - Michael Schumacher (ALE/Mercedes) 1m23s404 (Quarta)

17 - Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth) 1m23s466 (Quinta)

18 - Charles Pic (FRA/Marussia-Cosworth) 1m23s982 (Quarta)

19 - Jerome d"Ambrosio (BEL/Lotus-Renault) 1m24s048 (Terça)

20 - Vitaly Petrov (RUS/Caterham-Renault) 1m24s312 (Quinta)

21 - Gary Paffett (ING/McLaren-Mercedes) 1m24s480 (Quinta)

22 - Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth) 1m24s499 (Quinta)

23 - Bruno Senna (BRA/Williams-Renault) 1m24s842 (Quinta)

24 - Jules Bianchi (FRA/Force India-Mercedes) 1m25s475 (Terça)

25 - Rodolfo Gonzalez (VEN/Caterham-Renault) 1m27s197 (Terça)

26 - Valtteri Bottas (FIN/Williams-Renault) 1m29s179 (Terça)

Fonte: GloboEsporte.com