Guardiola elege De Bruyne como o 2º melhor do mundo

Treinador não poupou elogios ao jogado que custou 74 milhões

Kevin De Bruyne custou caro aos cofres do Manchester City. Depois de um período sem brilho no Chelsea, sob o comando de José Mourinho, o belga acabou indo para Werder Bremen e Wolfsburg, antes de acertar sua transferência, por 74 milhões de euros, de volta à Inglaterra.

O jogador de 25 anos tem impressionado não só aos torcedores do City, como também ao técnico Pep Guardiola, que não poupou elogios ao camisa 17.

"Em todas as jogadas ele sempre toma a decisão certa. Às vezes você tem que passar, às vezes tocar de primeira, controlar, conduzir, e em todas as vezes ele faz a decisão correta. Esse é o motivo pelo qual eu me sinto sortudo de tê-lo e acho que ele pode desfrutar seu incrível futebol com a gente", disse o treinador, complementando:

"Ele é um dos melhores jogadores que já trabalhei. Quando a gente fala do Messi, ele está numa mesa só dele. Não é permitido mais ninguém ali. Mas na mesa ao lado, o Kevin (De Bruyne) pode se sentar", afirmou Guardiola.

No Campeonato Inglês, o City é o único time que segue 100%. A equipe é líder da competição, com 15 pontos. De Buyne soma dois gols e ainda é o líder de assistências, com três passes.

Na sexta rodada, no próximo sábado, dia 24, o Manchester City joga fora de casa, às 11h (de Brasília), diante do Swansea.


Kevin De Bruyne (Crédito: Reuters)
Kevin De Bruyne (Crédito: Reuters)


Fonte: Com informações do Uol