Jogador do Chelsea paga velório de torcedor que sofria de leucemia

O pequeno de 8 anos era fã do time e sempre ia aos jogos.

O zagueiro do Chelsea, John Terry fez jus ao título de capitão e mostrou ser nobre dentro e fora de campo. O jogador se sensibilizou com a morte de um pequeno torcedor do clube, Tommi Miller, de oito anos, e afirmou que vai pagar todas as despesas que envolvem o seu funeral.

O garoto sofria com a leucemia e acabou não resistindo vindo a falecer no último dia 31 de março. O zagueiro foi informado sobre o ocorrido e declarou que vai arcar com os gastos do funeral que chegam a 2 mil euros (R$ 8,1 mil).

“Tive o prazer de conhecer o Tommi em um jogo do Chelsea, a  informação sobre sua morte me deixou abalado. Tenho certeza que ele terá a homenagem que merece”, afirmou o capitão.

O garoto conheceu Terry, que era um dos ídolos, e os demais atletas do Chelsea, em junho de 2015. O zagueiro chegou a enviar uma carta para o pequeno torcedor. A mãe de Tommi, Ruth Miller, agradeceu todo o carinho demonstrado pelo zagueiro ao drama da família.

"Eu realmente agradeço a ele porque Tommi foi um grande fã de John Terry. Ele era um de seus jogadores favoritos. Nós lemos a carta que ele enviou e, por mais que ele estivesse sedado, estamos confiantes que ele ouviu", disse.

Tommi era bastante fã do time (Crédito: Reprodução)
Tommi era bastante fã do time (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Extra