Jornalista surda ganha um afago de Felipão antes da chegada da seleção

O trio surpreendeu ao passar por dentro da tribuna onde será feita a cobertura jornalística de cada um dos dias de preparação brasileira

A seleção brasileira ainda não chegou a Granja Comary, em Teresópolis, local onde será feita a preparação para a Copa do Mundo, mas o técnico Luiz Felipe Scolari já roubou a cena, ao "desfilar" na tribuna reservada aos jornalistas e cumprimentar uma repórter deficiente auditiva.

Boa parte dos 1600 jornalistas credenciados para cobrir as atividades dos pentacampeões mundiais na cidade da região serrana do Rio de Janeiro já chegou e aguarda o elenco que se apresentará quase completo - Marcelo, que venceu a final da Liga dos Campeões pelo Real Madrid, no sábado, chegará daqui dois dias.

Antes disso, Felipão, acompanhado do coordenador de seleções, Carlos Alberto Parreira, e do auxiliar-técnico Murtosa, caminhou pelo gramado do principal campo de treinos sob os olhares de fotógrafos e cinegrafistas.

Depois disso, o trio surpreendeu ao passar por dentro da tribuna onde será feita a cobertura jornalística de cada um dos dias de preparação brasileira. Bem-humorados, os integrantes da comissão técnica não concederam entrevistas, mas se dirigiram aos profissionais de imprensa.

"A vida de vocês está muito fácil, hein!?", brincou Felipão, enquanto o técnico Carlos Alberto Parreira definiu o local como "camarote".

Quando se dirigia a saída do local reservado aos jornalistas, o técnico reconheceu a apresentadora da TV INES (Instituto Nacional de Educação de Surdos), Clarissa Guerretta, que também estava na coletiva do anúncio dos convocados para o Mundial, e chegou a fazer pergunta ao comandante por linguagem de sinais.

Felipão não só cumprimentou a jornalista, que é deficiência auditiva, como ganhou beijo e soube que tem um símbolo próprio para identificá-lo dentro da linguagem por sinais: um movimento de mão sobre a boca, indicando um bigode. O técnico prometeu que tentará repetir o gesto em alguma entrevista ou partida.

Os jogadores da seleção brasileira não treinarão nesta segunda-feira. As primeiras atividades programadas, para hoje e amanhã são exames médicos e trabalho de avaliação física. Mais tarde, às 16h (horário de Brasília), haverá entrevista coletiva.

Na quarta-feira, a bola começará a rolar no gramado da Granja Comary, com os jogadores iniciando os treinos táticos e técnicos.

Fonte: Terra