Kiko ignora polêmica e agradece título de embaixador da Copa

Kiko ignora polêmica e agradece título de embaixador da Copa

Josimar, do Inter, Yuri Mamute, Gérson, Matheus e Guilherme Biteco, do Grêmio, participam de homenagem ao humorista

O ator Carlos Villagrán, conhecido por interpretar o personagem Kiko do seriado ?Chaves?, foi declarado oficialmente embaixador de Porto Alegre para a Copa do Mundo pelo prefeito José Fortunati. Em evento, na prefeitura, que contou com a participação de jogadores de Internacional e Grêmio, o humorista recebeu uma placa que oficializa a nomeação. Yuri Mamute, Gérson, Matheus e Guilherme Biteco entregaram uma camisa do Tricolor gaúcho, enquanto Josimar presenteou o artista com o uniforme colorado.

Descontraído, Villagrán brincou com o público. Cerca de 50 fãs, além de jornalistas, membros do governo e do comitê da Copa do Mundo acompanharam a cerimônia. Durante o discurso, ele interrompeu o prefeito e soltou o bordão de seu personagem em português: ?Cale-se, cale-se, cale-se se me deixa louco? para delírio dos presentes, que aplaudiram.

- Eu me sinto muito honrado de ser embaixador de Porto Alegre. Muito obrigado. Não é preciso que se fale mais, a cidade é muito conhecida no mundo todo. Ainda mais agora, com a Copa do Mundo. Me sinto honrado de poder ir a todos os lugares e dizer que sou o embaixador de Porto Alegre. A gente adora o futebol brasileiro, o futebol espetáculo, o ?joga bonito?. Muito obrigado ? disse Villagrán, emocionado, na coletiva apenas para a imprensa.

Perguntado sobre a relação que ele teria com Porto Alegre, o ator demonstrou conhecimento sobre a cidade, os clubes de futebol e revelou ainda o desejo de tomar a bebida típica da região.

- Ainda não bebi (chimarrão). Só caipirinha (risos). Eu vim a Porto Alegre em 1996 e conheci outras cidades como Passo Fundo, Caxias do Sul, Canoas, todas trabalhando. Fiquei muito fascinado. Grêmio e Internacional são campeões da Libertadores, campeões do mundo. Porto Alegre está muito no alto para o futebol ? afirmou Villagrán, que garantiu sua presença na cidade em 2014 durante a Copa do Mundo.

Ainda incomodado com as críticas que sofreu ao longo da semana, José Fortunati fez questão de explicar a fama de Carlos Villagrán por toda a América Latina e ressaltou que o ator não receberá nada pelo cargo, meramente voluntário. O prefeito lembrou ainda a relação do humorista com o futebol, como o nome de seus filhos, Edson e Paulo Cézar ? em homenagem a Pelé e PC Caju - e revelou ainda que o artista trabalhou como fotógrafo na Copa de 1970, no México.

Outras personalidades esportivas já haviam recebido o título, como o técnico Mano Menezes, o zagueiro Lúcio e o ex-jogador chileno Elias Figueroa. José Fortunati disse ainda que outras personalidades que tenham relação com o esporte devem ser condecorados, como por exemplo, o técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari.

Fonte: Globo Esporte