Lateral Roberto Carlos viaja hoje para fechar com futebol russo

Lateral Roberto Carlos viaja hoje para fechar com futebol russo

Jogador embarca para a Rússia durante a semana, onde assinará contrato por dois anos com o Anzhi

Depois de uma passagem pelo futebol brasileiro, o lateral Roberto Carlos confirmou nesta segunda-feira que deixa o país novamente, o atleta continuará sua carreira no Anzhi, equipe da república norcaucásica russa do Daguestão, após desvincular-se do Corinthians, informou o jornal "Sport-Express".

- Vou à Rússia com grande interesse. Na hora de decidir continuar minha carreira no país (Rússia), o dinheiro não foi decisivo - garantiu Roberto Carlos ao "Sport-Express".

O lateral, que ganhou a Copa do Mundo de 2002 e três Ligas dos Campeões com o Real Madrid, chegou a um acordo verbal com o Anzhi e assinará o contrato nesta semana.

Um representante da equipe viajou ao Brasil para ultimar os termos do contrato com os agentes do jogador, que deseja jogar na Europa as últimas temporadas em atividade.

O Anzhi, que chegou na temporada passada à elite do futebol russo, estaria disposto a oferecer a Roberto Carlos dois anos de contrato pelo valor de ? 5 milhões anuais (R$ 11,2 milhões), segundo o Sport-Express.

Outras fontes, no entanto, afirmam que o novo proprietário do clube, o multimilionário Suleyman Kerimov, um dos homens mais ricos da Rússia com fortuna avaliada em US$ 14,5 bilhões (R$ 32,5 bilhões), estaria disposto a pagar pelo lateral de 38 anos até ? 6,5 milhões (R$ 14,6 milhões) por temporada.

O agente do jogador, Fabiano Farah, garantiu à imprensa brasileira que as duas partes poderiam chegar a um acordo nesta segunda-feira, já que Roberto Carlos quer definir seu futuro o mais rápido possível.

- Temos um princípio de acordo, mas tudo será definido na segunda-feira. Se tudo vai bem, Roberto Carlos viaja à Europa na quarta ou quinta-feira. Roberto está impressionado com os ambiciosos planos do novo dono do clube - complementou.

Aparentemente, Roberto Carlos jogará duas temporadas no Anzhi (2011-2013).

Farah reconheceu que, além de clubes do Reino Unido, Estados Unidos, Oriente Médio e Austrália, equipes brasileiras como o Palmeiras e o Flamengo mostraram interesse no atleta, mas que o lateral esquerdo não defenderá outra no Brasil outra camiseta a não ser do Corinthians.

Aparentemente, entre as equipes interessadas em Roberto Carlos estão Los Angeles Galaxy, onde joga seu ex-companheiro de Real Madrid David Beckham.

Roberto Carlos expressou seu desejo de retornar à Europa depois de receber ameaças de morte após a eliminação do Corinthians da Taça Libertadores.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com