Líder, Vasco entra na contagem regressiva por retorno à Série A

São sete vitórias e um empate. Ainda faltam 18 jogos e estão 54 pontos em disputa.

Apesar de não tocar muito no assunto publicamente, os jogadores do Vasco entraram em uma contagem regressiva para garantir o retorno do time para a Série A. Para chegar aos 64 pontos, número considerado suficiente para o clube ficar com uma das quatro vagas, o time precisa conquistar mais 22 pontos neste segundo turno. São sete vitórias e um empate. Ainda faltam 18 jogos e estão 54 pontos em disputa.

Se o Vasco mantiver o aproveitamento de 68,4% do primeiro turno, o clube vai atingir a marca entre a 31ª e a 32ª rodada, ou seja, bem antes do fim da competição. O time carioca está na liderança da Série B com 42 pontos, três a mais que o Atlético-GO. Atualmente, são nove pontos de diferença para o quinto colocado, o São Caetano.

- No segundo turno tudo muda. Não se fala que tem 15 jogos, mas sim, que faltam 15 jogos. A contagem é diferente. Cada jogo no segundo turno vão falar que faltam tantos jogos para subir. Então ganhar e ficar na liderança é importante. Temos que fazer é o maior número de pontos possíveis para conseguir a classificação o mais rápido possível. Esse é o nosso objetivo - disse Ramon.

A Série B é disputada no sistema de pontos corridos desde 2006. No primeiro ano, o quarto clube a conquistar o acesso para a Primeira Divisão foi o América-RN com 61 pontos. No ano seguinte, em 2007, o Vitória-BA teve uma pontuação ainda menor para subir: 59 pontos. Na temporada passada, o quarto colocado foi o Barueri, que fez 63 pontos.

Após um início irregular, quando chegou a ficar em oitavo lugar na classificação, o Vasco começou uma arrancada e venceu nove dos últimos 11 jogos na Série B. Se tudo der certo e sair como o programado, a volta para a Primeira Divisão seria garantida em uma grande festa contra o Bahia, no Maracanã, em um sábado, dia 24 de outubro.

- Sempre conversamos que quando chegássemos ao primeiro lugar, jamais sairíamos de novo (O Vasco chegou a liderar a competição na quarta rodada). Felizmente, fizemos uma boa partida e vencemos - destacou o volante Souza.

As duas próximas rodadas são vistas como essenciais para o Vasco na arrancada. O time encara dois adversários diretos. E vitórias ampliariam ainda mais a vantagem. Na próxima sexta-feira, o time carioca enfrenta o Ceará, no Maracanã, às 21h, pela 21ª rodada da competição. O rival está em quarto lugar, com 34 pontos. E no sábado, dia 5 de setembro, o duelo é contra o Atlético-GO, fora de casa.

- A gente tem em mente isso. Temos dois adversários diretos pela frente. Se vencermos vamos dar um pulo muito grande na classificação. Temos em mente os 64 pontos. E a cada jogo que vencemos pensamos que é uma vitória a menos que nos falta - disse Ramon.

Para ser campeão da Série B, o Vasco faz outras contas. Seriam necessários, pelo menos, 74 pontos. O Atlético-MG garantiu o título em 2006 com 71 pontos. O Coritiba levantou a taça em 2007 com 69. E o Corinthians atropelou os rivais no ano passado, sendo campeão com 85 pontos.

Apenas em uma oportunidade na era dos pontos corridos, a equipe que conquistou o título simbólico do primeiro turno sagrou-se campeã no fim da competição. Foi o Corinthians, no ano passado. Em 2006 e 2007, as equipes que terminaram o primeiro turno na liderança acabaram não conquistando a Série B. Pior, nem subiram para a Série A. Em 2006, o Coritiba disparou no início, mas o título ficou com o Atlético-MG. E em 2007 foi a vez do Criciúma ser o líder por um bom tempo, mas no fim o Coritiba conquistou a taça.

- Espero que o time mantenha essa postura durante todo o segundo turno. Sempre com atitude. O primeiro objetivo é conseguir uma das vagas. Só depois pensamos em título.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com