Lipoaspiração de Ronaldo provoca saia justa no Corinthians

O jogador foi atendido por duas equipes médicas diferentes na unidade do Itaim do hospital São Luiz

Ronaldo fez uma lipoaspiração quarta-feira antes de sua cirurgia na mão esquerda, porém o Corinthians não admitia oficialmente até ontem que o atacante fora submetido a uma intervenção para retirar gordura.

O jogador foi atendido por duas equipes médicas diferentes na unidade do Itaim do hospital São Luiz. Antes de colocar duas placas e 12 parafusos na mão esquerda, em cirurgia supervisionada por Joaquim Grava, coordenador do departamento médico do Corinthians, Ronaldo retirou aproximadamente 700 ml de gordura localizada na lateral da barriga.

"Eu estava no hospital por causa da cirurgia na mão do Ronaldo, que foi realizada pela equipe do Corinthians. Não interessa ao clube se ele fez essa outra cirurgia", falou Renata Daros, da assessoria de imprensa do time. Indagada seguidamente pela reportagem se sabia se Ronaldo havia feito ou não a lipoaspiração, ela disse "não".

Mário Gobbi, vice de futebol do clube, disse que o Corinthians "tem conhecimento" da situação, mas preferiu não dizer nem que sim nem que não.

"Se ele fez ou não, quem tem que falar é ele. Se ele não quer falar, tem o direito. Isso diz respeito à privacidade dele. Intimidade é um direito sagrado. O Corinthians tem conhecimento da situação, mas não vou dizer nem sim nem não", falou.

Inicialmente, ele tratou a lipoaspiração como algo "íntimo", de pouco interesse para o clube. "Seria relevante se a cirurgia tirasse ele do futebol, do cotidiano. Se é que ele fez, ele aproveitou uma outra cirurgia que já ia deixá-lo afastado."

Indagado se outro jogador pode fazer lipo sem consultar o clube, ele praticamente "entregou" o pedido de Ronaldo.

"Não. Ele consulta. Quem disse que ele [Ronaldo] não consultou? Se o Corinthians autorizou ou não, não é um assunto público. Mas quem te disse que o Corinthians não sabe [da lipo]? Quem te disse que não interessa ao Corinthians?"

Joaquim Grava foi procurado para falar, mas não respondeu ao recado passado por sua secretária. Ela disse primeiro que ele estava em consulta. Mais tarde, falou que já o havia avisado do telefonema da reportagem. Até as 20h de ontem, não retornou a ligação.

"Existem certas coisas que o médico pode divulgar, outras não, só com a autorização do paciente. Eu não tenho autorização para confirmar se a lipo foi feita ou não", falou Grava, porém, ao Terra Esportes TV.

Na reapresentação do Corinthians após o 1 a 1 com o Santo André, a lipo de Ronaldo foi tratada com bom humor. "Se ele fez, vai voar ainda mais em campo. É um problema para os outros times", falou Felipe.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br